São Silvestrinha completa 26 anos

São Silvestrinha completa 26 anos

Cerca de mil crianças e adolescentes participaram desta corrida de rua

SILVIA HERRERA

23 de dezembro de 2019 | 10h04

Cerca de mil adolescentes e crianças de 4 a 17 anos, de todo o Brasil, invadiram o Memorial da América Latina na manhã deste domingo (22), na capital paulista. O motivo foi a 26ª edição da Corrida São Silvestrinha, que abriu a programação oficial da 95ª Corrida Internacional de São Silvestre. #BlogCorridaParaTodos #sãosilvestrinha #corridaderua

São Silvestrinha foi realizada no Memorial da América Latina

Com inúmeras novidades, como mais categorias, novo horário e local, a prova encantou mais uma vez, numa mistura perfeita de brincadeira e prática esportiva. Mesmo com cronometragem para todas as categorias, o maior prêmio era justamente a participação num projeto que visa incentivar a prática esportiva e ampliar a base do esporte.

A alegria e satisfação dos jovens, aliadas à empolgação dos pais e parentes, que não pararam de incentivar a todos nas várias baterias realizadas, foi o destaque. “É gratificante poder ver os jovens em provas como essa. Fica evidente a preocupação com as crianças, que têm mais uma opção de lazer. No futuro, poderão ser atletas, mas isso não é a meta. Queremos sim é que tenham uma diversão”, explica Maria de Lourdes, mãe de Victor, atleta de 13 anos, de São Bernardo do Campo, no ABCD paulista.

A São Silvestrinha já revelou destaques do atletismo nacional como Franck Caldeira, vencedor da São Silvestre em 2006 e medalha de ouro no Pan de 2007. Além disso, tem contribuindo para disseminar o esporte nas novas gerações há mais de duas décadas, confirmando sua importância para o esporte nacional.

“É muito bom saber que a São Silvestrinha está colaborando com a formação de talentos do esporte, mas o principal é dar a oportunidade para que eles pratiquem atividade física, com regras e respeito um pelo outro”, comentou Erick Castelhero, editor Executivo da Gazeta Esportiva.

A prova é uma realização e propriedade da Fundação Cásper Líbero, promovida pelo site Gazeta Esportiva. Conta com o especial apoio do Governo do Estado de São Paulo e da Prefeitura da Cidade de São Paulo e supervisão técnica da CBAt, FPA. A organização técnica é da Yescom.

Tudo o que sabemos sobre:

corrida de ruacorrida infantil

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.