Última chamada para se inscrever na São Silvestre e na Volta da Pampulha

Última chamada para se inscrever na São Silvestre e na Volta da Pampulha

Nas duas provas é preciso apresentar a carteira de vacinação na entrega do kit e correr de máscara

SILVIA HERRERA

17 de novembro de 2021 | 16h03

No Brasil temos três corridas grandes e muito amadas pelos corredores amadores: Maratona Internacional do Rio, Volta da Pampulha e São Silvestre. Antes da pandemia, todas atraiam cerca de 30 mil pessoas. A primeira delas acaba de ser realizada. Segundo a organização cerca de 22 mil pessoas se inscreveram na etapa presencial, abriram vagas também no modo virtual. E  14.490 corredores concluíram a prova no local. A próxima será a Volta da Pampulha, dia 12 de dezembro, em Belo Horizonte (MG), são 14 mil vagas e acabam de abrir o último lote. E a terceira delas, a Corrida Internacional de São Silvestre, a mais popular do país, reuniu 35 mil corredores em 2019 na Avenida Paulista. Em 2020, a prova foi adiada para julho de 2021, e novamente adiada para 31 de dezembro. O pessoal que já se inscreveu não precisa fazer nada, está automaticamente confirmado para 96ª edição. Esperam reunir novamente os 35 mil  e as inscrições terminarão nesta segunda-feira, 22 de novembro, no site oficial da prova.

Medalha da Volta da Pampulha 2021

Nas duas provas é necessário fazer cadastro antes de se inscrever no site, por isso não deixe para o último dia. A 22ª Volta Internacional da Pampulha, será dia 12 de dezembro, com largadas em ondas a partir das 7h, com um percurso de 18.079m em volta da Lagoa da Pampulha, com início e término na Avenida Antônio Abrahão Caran, ao lado do Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão. E o último lote de inscrições acaba de abrir pelo site www.voltadapampulha.com.br. Há dois tipos de kit com número de peito (R$ 110) e  com camiseta e número de peito (R$140). Na chegada, todos os concluintes vão receber a medalha de participação.

Protocolo – Conforme consta no item 13 do Regulamento e de acordo com a publicação no Diário Oficial do Município da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte de 21/10/2021 – SMSA – Secretaria Municipal de Saúde referente ao Protocolo de Funcionamento Para Eventos de Corrida – Portaria SMSA/SUS-BH nº 0485/2021, através da qual passa a vigorar a Portaria SMSA/SUS-BH Nº 0569/2021 – EDIÇÃO: 6379 – 1ª Edição – Ano XXVII, a partir de sua publicação, o ATLETA deverá apresentar na triagem de acesso ao local de entrega de kit documento de Identidade com foto original, como por exemplo RG, RNE, Carteira de Motorista, Passaporte ou Funcional de Classe que contenha número de RG ou CPF, carteira ou comprovante de vacinação completa contra a covid-19, para vacinas de 2 doses ou vacinas de dose única, impressa ou digital no formulário oficial do sus ou governo de sua cidade.

Atletas com esquema vacinal incompleto deverão entregar à organização uma cópia do resultado negativo para Covid-19 do tipo teste rápido de antígeno (nasal) ou teste do tipo RT-PCR com validade de 72 (setenta e duas) horas antes do horário oficial de largada do evento. Essa cópia será retida e entregue às autoridades públicas sanitárias. Esta regra também se aplica para todos os staffs da organização que estarão trabalhando na entrega de kit, percurso e arena da corrida. Será realizada a aferição de temperatura para acesso à retirada de kit e da Expo Atleta. O uso de máscara será obrigatório durante todo o período de permanência nas dependências do local de entrega de kits e da EXPO Atleta.

Na chegada, os atletas serão direcionados para o local de retirada de lanche e medalha, que serão entregues por monitores com luvas, mascarás e separação por grades de isolamento e embalados individualmente. Também não haverá área especifica para instalação de tendas de assessorias esportivas, ação promocional com distribuição de produtos ao público e nem serviço de guarda-volumes.

SÃO SILVESTRE

Kits da 96ª São Silvestre

A São Silvestre, prova com 15km, será realizada no dia 31 de dezembro, com largada na Avenida Paulista, altura do número 2.000, e chegada em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero, no número 900. Nesta edição, os corredores têm duas opções par se inscrever: além do tradicional pelotão (R$ 200 – contém camiseta e sacochila), está disponível também o Pelotão Premium (R$ 800), que vai proporcionar uma experiência única, com kit exclusivo (camiseta, par de meia de compressão, corta-vento, uma super sacochila), espaço diferenciado na largada (atrás da elite), na concentração (com banheiro exclusivo)  e na entrega de kits. Aliás a entrega de kit está programada para 27, 28 e 29 de dezembro, onde haverá aferição de temperatura na entrada. Todos os concluintes inscritos vão ganhar a medalha de participação no final. Faz parte do protocolo sanitário responder questionário de saúde (cadastro pré-prova  por e-mail) e para retirar o kit é obrigatório apresentar a carteira de vacinal com as duas doses, ou dose única. Quem ainda não tomou a segunda dose terá que fazer teste RT-PCR (validade 48 horas).

Uso de máscara será obrigatório durante a entrega do kit e na corrida. As largadas serão em ondas obedecendo essa sequência: Cadeirantes vão largar em pelotão único (masculino e feminino) às 7h50;  Elite feminina (A e B), às 8h05; Elite masculina (A e B), atrás pelotão Premium; Cadeirantes com guias e Atletas com deficiência (masculino e feminino), às 8h30; e pelotão geral.

Medalha de participação da 96ª São Silvestre

Fraudes  – Como já aconteceu de tudo nessas quase cem edições da São Silvestre (dezenas de pessoas correndo com o mesmo número de peito, jovens correndo com peitoral de idosos, pipocas (corredores sem inscrição), este ano a organização promete um verdadeiro pente fino para pegar todos os “espertinhos”, e haverá um setor especial de atendimento aos inscritos de 60+. O número de peito da categoria será diferenciado para melhor identificação pelas câmeras espalhadas pelo percurso. E os não inscritos não terão acesso à largada, que será na altura do número 2.000 da Avenida Paulista. A chegada será em frente à Fundação Cásper Líbero (prédio da Gazeta). Aliás, a organização pede gentilmente que corredores  sem inscrição não compareçam à prova, para não prejudicar o evento. A Corrida Internacional de São Silvestre é uma propriedade da Fundação Cásper Líbero, com organização técnica da Yescom. O patrocínio é de Cosan, 3 Corações, NewOn, Voe Ita, Assai, Montevérgine, Dois Cunhados Hortifruti, com apoio especial do Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo. Caso haja uma reviravolta no cenário pandêmico, a prova será transferida para 10 de julho de 2022.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.