Roberto de Andrade define chapa da situação
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Roberto de Andrade define chapa da situação

Vitor Marques

21 de outubro de 2014 | 18h43

As eleições no Corinthians serão disputadas só em fevereiro mas as negociações para compor as chapas estão a todo o vapor. Ao menos do lado da situação. O candidato a presidente Roberto de Andrade (foto) deverá ter como candidatos a vice-presidentes o ex-diretor administrativo do clube, André Luiz de Oliveira, conhecido como André Negão, e o conselheiro vitalício Jorge Kalil. O ex-presidente André Sanchez já aprovou a chapa da situação. O lançamento oficial da candidatura será, provavelmente, no fim do novembro, ou logo após o término do Campeonato Brasileiro – a última rodada será no dia 7  de dezembro. Roberto de Andrade foi diretor de futebol até o final do ano passado. Como é o favorito a vencer as eleições, passará por ele a escolha do novo treinador do Corinthians  – o contrato de Mano Menezes termina em dezembro. A oposição ainda não decidiu se Paulo Garcia será novamente o candidato a tentar vencer o grupo político de Andrés Sanchez. O atual presidente Mário Gobbi não pode tentar a reeleição por causa do estatuto do clube.

Roberto de Andrade, ex-diretor de futebol, é o candidato da situação

Roberto de Andrade, ex-diretor de futebol, é o candidato da situação

Tudo o que sabemos sobre:

Andrés SanchezCorinthiansMário Gobbi

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: