Espanha sofre, mas vence a Croácia e termina na liderança do grupo da Euro

lucianoborborema

18 de junho de 2012 | 17h59

Espanha_630_AFP_.jpg
Jogadores comemoram classificação. (AFP)

Veja também:
Acompanhe tudo sobre a Eurocopa
Ouça gols da Euro

por ESPN.com.br

Com muito mais dificuldade do que o esperado, a campeã europeia Espanha venceu a Croácia por 1 a 0, nesta segunda-feira, em Gdansk, na Polônia e classificou-se às quartas de final da Euro-2012 na primeira posição do grupo C. Jesus Navas fez no fim o único gol da partida. A vice-liderança ficou com a Itália, que venceu a Irlanda também por 1 a 0.

Até o início da rodada, os italianos eram os principais ameaçados na chave. Um empate por 2 a 2 ou mais gols em Gdansk classificaria espanhóis e croatas e deixaria a ‘Azzurra’ fora.

A Itália saiu na frente da Irlanda logo no primeiro tempo e encaminhou sua passagem à fase seguinte, enquanto ninguém balançava a rede no outro jogo. O placar de 0 a 0 dava a vaga à Espanha, mas um gol poderia eliminar os campeões da Europa e do mundo. Na etapa final, os croatas foram para cima em busca da vaga e levaram perigo para o goleiro Iker Casillas, que garantiu a vaga da ‘Fúria’.

Os adversários de italianos e espanhóis sairão do grupo D. Inglaterra e França têm seis pontos cada um e lideram o grupo, mas a Ucrânia, que pega a Inglaterra, tem três pontos e também possui chances de classificação. A Suécia, adversária dos franceses, está eliminada. A Espanha joga no próximo sábado, em Donetsk, contra o segundo colocado, e no dia seguinte, em Kiev, a Itália enfrenta o líder do grupo D.

O jogo

A Espanha manteve o time da goleada por 4 a 0 sobre a Irlanda, com Fernando Torres como referência no ataque, mas teve problemas para criar no primeiro tempo diante de uma Croácia mais fechada em relação às rodadas anteriores. O técnico Slaven Bilic tirou um atacante, Jelavic e colocou Pranjic no meio-campo, enquanto Vida ganhou um lugar na defesa na vaga de Perisic.

Os atuais campeões do mundo e da Europa foram superiores na posse de bola – 68 a 32% -, chutaram mais a gol – seis chutes contra um -, mas o primeiro tempo acabou sem gols. Com a vitória parcial por 1 a 0, sobre a Irlanda, a Itália se classificava em primeiro lugar do grupo C naquele momento, e a Espanha ficava em segundo. Um gol do Croácia poderia eliminar os espanhóis.

Espanha_630_AFP_materia_.jpg
Matt Dunham/AP

Depois de uma etapa inicial de poucas emoções, os croatas deram um susto e tanto no favorito rival no início do segundo tempo. Modric cruzou de trivela, e Rakitic cabeceou livre para defesa salvadora de Casillas. O goleiro do Real Madrid voltou a trabalhar bem aos 33 minutos espalmando chute de Perisic. A Espanha chegava com liberdade à área adversária, mas demorava para concluir a gol. Aos 43, Iniesta avançou pela esquerda e cruzou para Jesus Navas empurrar para a rede.

FICHA TÉCNICA
CROÁCIA 0 X 1 ESPANHA

Local: Arena Gdansk, em Gdansk (Polônia)
Data: 18 de junho de 2012 (Segunda-feira)
Horário: 15h45(de Brasília)
Árbitro: Wolfgang Stark (ALE)
Auxiliares: Jan-Hendrik Salver (ALE) e Mike Pickel (ALE)
Cartões amarelos: Strinic, Corluka e Srna (CRO)
Gol: ESPANHA: Jesus Navas, aos 43min do 2° tempo

CROÁCIA: Pletikosa; Vida (Perisic), Corluka, Schildenfeld e Strinic; Rakitic, Modric, Vukojevic (Eduardo), Srna e Pranjic (Jelavic); Mandzukic
Técnico: Slaven Bilic

ESPANHA: Casillas, Arbeloa, Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Xavi Hernández (Negredo), Busquets, Xabi Alonso e Iniesta; David Silva (Fábregas) e Fernando Torres (Jesus Navas)
Técnico: Vicente del Bosque

Tudo o que sabemos sobre:

CroaciaEspanhaeurocopa

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.