Khedira cobra mais inteligência alemã contra a Grécia e aprova visita política

lucianoborborema

21 de junho de 2012 | 21h27

Rádio Estadão ESPN transmite Alemanha x Grécia nesta sexta, às 15h45

AP_Photo_Frank_Augstein_Khedira_EDITAdo.jpg
Volante Khedira mostra respeito aos gregos (Frank Augstein/AP)

Veja também:
Ouça cobertura da Eurocopa

por ESPN.com.br

Pelo menos no discurso, o respeito da Alemanha pela Grécia é total. Foi o que se viu nesta quarta-feira na entrevista coletiva concedida pelo volante Sami Khedira, que também cobrou mais inteligência do time na defesa e no meio de campo e ainda aprovou uma visita política.

Sobre o duelo contra os gregos, marcado para às 15h45 da próxima sexta (horário de Brasília), em Gdansk, na Polônia, o jogador do Real Madrid pregou paciência para superar a retranca adversária e elogiou os rivais, que, para eles, sáo subestimados por muitos.

“Só pensamos na Grécia. Eles têm uma boa equipe que as pessoas subestimam, não pensamos nas partidas à frente, contra italianos ou ingleses, só nos focamos nos gregos”, garantiu.

“Para superar a defesa, em primeiro lugar se requer paciência. Temos que nos movimentar bastante e buscar saídas”, seguiu.

Khedira avaliou a equipe grega como “muito compacta”, mas que também tem muitos momentos de descuido. E pediu menos espaços na seleção alemã.

“Agora a intensidade é maior e deixamos muitos espaços na defesa e no meio de campo nos outro jogos. Temos que ser mais inteligentes”, disse.

Por último, aprovou a visita da chanceler alemã Angela Merkel, que irá à Polônia levar boas energias ao grupo. “Parece que traz boa sorte. Nos transmite boas sensações, e sua visita demonstra que somos um país”, encerrou.

Tudo o que sabemos sobre:

AlemanhaeurocopaGrecia

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: