Rivais ibéricos, Espanha e Portugal decidem vaga na final valorizando estilo ofensivo

emanuel

27 de junho de 2012 | 08h45

espanha_portugal_620AFP2.jpg
Foto:AFP

Por Tiago Leme, de Donetsk (UCR), para o ESPN.com.br

Rivais históricos, Espanha e Portugal fazem a primeira semifinal da Eurocopa-2012 nesta quarta-feira, na Donbass Arena, em Donetsk, na Ucrânia, às 15h45 (horário de Brasília), com transmissão da Rádio Estadão ESPN e cobertura em tempo real do ESPN.com.br. O clássico ibérico colocará frente a frente duas equipes que prometem atacar na partida, cada uma valorizando o seu estilo de jogo. De um lado, o conjunto espanhol com domínio da posse de bola e passes rápidos. Do outro, uma seleção portuguesa que garante não se intimidar com o adversário e tendo como grande estrela Cristiano Ronaldo.

O vencedor deste duelo vai enfrentar na final Alemanha ou Itália, que jogam quinta-feira. A decisão do campeonato será no domingo, em Kiev.

Ouça tudo sobre a Eurocopa

Depois de empatar com a Itália na estreia, a Espanha vem de três vitórias seguidas, sobre Irlanda, Croácia e França. Apesar dos resultados positivos e de ser pouco ameaçada pelos oponentes, a atual campeã da Euro sofreu críticas por algumas atuações, já que a equipe criou poucas oportunidades de gol. Na véspera da semifinal, o volante Iniesta rebateu os críticos

“Nós temos o nosso próprio estilo, que nos trouxe sucesso e nos deu dois troféus. Mas as opiniões são válidas e eu as respeito. A verdade é que quando você possui um time que só ataca e outro que só se defende o jogo não fica tão atrativo quanto jogam duas equipes que pretendem ganhar a partida. Nossa maneira de jogar está dando êxito e é com ela que mudamos a história da Espanha para o bem. Acho que isso é suficiente”, disse o jogador espanhol.

O técnico Vicente Del Bosque mais uma vez não confirmou a escalação da Fúria, mas a tendência é que o time entre em campo com a mesma formação do último jogo, com Cesc Fábregas entre os titulares, e Fernando Torres na reserva.
Portugal também está embalado com uma sequência de três vitórias, diante de Dinamarca, Holanda e República Tcheca, depois de ter perdido para a Alemanha na partida inicial. Os portugueses estão animados com o bom desempenho do time, e principalmente com a boa fase de Cristiano Ronaldo, que fez três gols nos últimos dois jogos. O atacante dominou as atenções nas entrevistas coletivas pré-jogo, tanto do lado português quanto do lado espanhol.

E para o confronto com a badalada Espanha, o técnico português Paulo Bento garantiu que a seleção de Portugal vai manter o seu estilo de jogo, buscando também o ataque, sem se fechar na defesa, sem se intimidar com o adversário.

“O jogo vai ter momentos em que iremos conseguir dominar. Não tenho dúvidas em relação a isso. Queremos ter a bola, mas sabemos que do outro lado vai estar uma equipe que tem superado todas as equipes nesse item. Nós vamos ter a coragem de os atacar e a paciência de não desestabilizar quando não tivermos bola”, afirmou o treinador português, que já confirmou a entrada do atacante Hugo Almeida na vaga no lesionado Helder Postiga.

Espanha e Portugal se enfrentaram duas vezes recentemente, com uma vitória para cada lado, mas com os espanhóis tendo triunfado no encontro mais importante. Nas oitavas de final da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, a Fúria ganhou por 1 a 0, gol de David Villa, e depois acabou conquistando o título. Cinco meses mais tarde, em um amistoso em Lisboa, os portugueses golearam por 4 a 0, com dois gols de Postiga, um de Carlos Martins e um de Hugo Almeida. Em Eurocopas, as duas equipes já se enfrentaram duas vezes, com empate por 1 a 1, em 1984, e vitória de Portugal, por 1 a 0, em 2004.

Países rivais historicamente desde o século XV, da época das navegações e da colonização da América, Espanha e Portugal mais uma vez medem forças dentro de campo em um duelo decisivo. Para o lateral espanhol Arbeloa, no entanto, o duelo no futebol será bem mais amigável. É esperar para ver.

“A relação é fantástica entre os dois. Melhor do que com a França (risos). Isso é só futebol. A relação entre os dois países é boa, e penso que continuará sendo boa depois da partida”, disse Arbeloa.

FICHA TÉCNICA:

ESPANHA X PORTUGAL

Local: Donbass Arena, em Donetsk (Ucrânia)
Data: 27 de junho de 2012 (quarta-feira)
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Cuneyt Cakir (Turquia)

ESPANHA: Iker Casillas; Álvaro Arbeloa, Gerard Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Sergio Busquets, Xabi Alonso, Xavi e Andrés Iniesta; David Silva e Cesc Fàbregas (Fernando Torres)
Técnico: Vicente Del Bosque

PORTUGAL: Rui Patrício; João Pereira, Pepe, Bruno Alves e Fabio Coentrão; Miguel Veloso, Raul Meireles e João Moutinho; Nani, Cristiano Ronaldo e Hugo Almeida.
Técnico: Paulo Bento

Tudo o que sabemos sobre:

EspanhaEurocopa 2012Portugalsemifinal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.