Até agora Ferrari, Lotus Renault, Sauber e Lotus já apresentaram seu carro. Hoje será a vez de Red Bull, Mercedes, Williams e Toro Rosso.

liviooricchio

31 de janeiro de 2011 | 19h01

31/I/11 

Olá, amigos. Escrevo aqui de Nice. Não poderei ir a Valência. Obrigado.

  Duas boas surpresas na apresentação dos modelos de 2011 das equipes Lotus Renault e Lotus, ontem, em Valência: Bruno Senna será o terceiro piloto da Lotus Renault e Luiz Razia, da Lotus. As duas equipes disputam na justiça inglesa o direito de usar o nome Lotus. Lotus Renault é o novo nome da Renault, enquanto Lotus é a organização do malaio Tony Fernandez, proprietário da Air Asia.

  “Se um dos dois pilotos tiver de ser substituído eu corro no lugar dele”, disse, ontem, Bruno, ao Estado. “Irei a todas as corridas. Tenho uma grande oportunidade de aprender com uma organização que já foi campeã do mundo para, depois, tentar uma vaga de titular.” Já Razia vai pilotar nas primeiras sessões livres das sextas-feiras também.  

  Além das duas Lotus, a Sauber da mesma forma lançou, ontem, seu novo carro no circuito Ricardo Tormo, em Valência. E hoje será a vez dos campeões do mundo, Red Bull, mais Mercedes, Williams e Toro. Hoje, ainda, a partir das 10 horas, começam oficialmente os treinos preparatórios do campeonato que vai iniciar dia 13 de março no circuito de Sakhir, em Bahrein.

   Quando os boxes abrirem, as escuderias sabem que não há tempo a perder. Serão apenas 15 dias de testes até a abertura do Mundial. E há algumas novidades importantes a ser desvendadas pelos projetistas e pilotos: como o carro vai se comportar com os pneus Pirelli, substitutos da Bridgestone, como reagirá com a possibilidade de variar a incidência do aerofólio traseiro e, agora, com a volta do sistema de recuperação de energia (Kers).

  “Toda volta nos ensinará algo”, diz Giorgio Ascanelli, diretor-técnico da Toro Rosso. Cada time dos 12 da Fórmula 1 terá 30 jogos de pneus a disposição até quinta-feira, encerramento dessa série de treinos. A Pirelli levou para Valência os quatro tipos que utilizará ao longo do campeonato: supermacio, macio, médio e duro. Cabe aos times a escolha dos tipos desejados para testar no carro.

  Vão estar na pista espanhola, hoje, com seus novos modelos, Fernando Alonso, com a Ferrari F150, lançada sexta-feira, e um dos pilotos da Red Bull, Mercedes, Lotus Renault, Williams, Sauber, Toro Rosso e Lotus. A McLaren, de Lewis Hamilton e Jenson Button, começa os testes com o carro do ano passado, assim como Force India, Marussia Virgin e Hispania. O modelo de 2011 da McLaren será apresentado sexta-feira, em Berlim.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.