Será difícil superar Button no campeonato

liviooricchio

25 de maio de 2009 | 05h28

25/V/09

Amigos, esse é o texto de minha coluna, hoje, no Jornal da Tarde

Ainda restam 11 etapas para o encerramento da temporada, acredito que Red Bull e Ferrari passarão a enfrentar a Brawn GP quase de igual para igual já a partir da próxima etapa, dia 7 de junho na Turquia, mas começo a pensar que não será fácil outro piloto conquistar o título. Jenson Button tem um carro excepcional, que terá maior resistência para se impor, é verdade, mas ele como piloto vive um momento único, de grande maturidade, e, penso, saberá controlar a importante vantagem que possui no campeonato.

Concordo, uma virada não é impossível, mas a vejo, hoje, como pouco provável. O carro que a Red Bull estreou em Mônaco não teve como expor suas qualidades em razão das características do circuito. Em Istambul, apostaria que Sebastian Vettel renderá uma derrota muito caro para Jenson Button ou Rubens Barrichello. Também é possível imaginar a Ferrari com Felipe Massa e Kimi Raikkonen na luta pelo primeiro lugar. Massa é soberbo nos 5.338 metros do traçado turco. Não é por acaso que venceu as três últimas edições da prova.

Mas mesmo que tudo isso se confirme, como faz sentido, e Button quebre a série de pódios que iniciou desde a abertura do Mundial, ainda assim dificilmente deixará de marcar pontos. Tanto ele quanto Rubinho não tiveram um único problema comprometedor em seis corridas.
Em resumo: torço para um restante de temporada emocionante, como penso que será, já que a Brawn terá adversários mais fortes, mas seria surpreendente se Button não se tornar campeão. As chances de não dar certo são bem menores de dar certo. E o título ficaria em excelentes mãos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.