Austin Rivers pede falta técnica para o pai e brinca: ‘Ação de Graças vai ser estranha’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Austin Rivers pede falta técnica para o pai e brinca: ‘Ação de Graças vai ser estranha’

Cena aconteceu na partida entre Houston Rockets, do armador, e Los Angeles Clippers, do treinador

Marcius Azevedo

14 de novembro de 2019 | 17h28

James Harden teve uma atuação espetacular na vitória do Houston Rockets sobre o Los Angeles Clippers por 102 a 93 ao registrar 47 pontos, seis rebotes e sete assistências, mas foi Austin Rivers que roubou os holofotes.

O armador é filho de Doc Rivers, justamente o técnico dos Clippers. Com 96 a 88 no placar e restando 1 minutos e 31 segundos para o fim do jogo, o treinador se exaltou com Tony Brothers, árbitro principal da partida, e foi expulso de quadra.


Austin Rivers em ação contra os Clippers, do pai Doc. Foto: Troy Taormina/USA Today

O detalhe é que Austin ficou todo o tempo da confusão pedindo que o árbitro aplicasse uma falta técnica no pai, repetindo o sinal que representa a infração.

Para completar, enquanto Doc caminhava para o vestiário do Toyota Center ainda irritado por ter sido expulso da partida, Austin fingiu telefonar para o pai, fazendo o sinal característico de uma ligação com a mão.

Depois, Austin ainda publicou uma mensagem no Twitter, citando um tradicional feriado americano: “Bem … Ação de Graças vai ser estranha …”

Na entrevista pós-jogo, o armador continuou. “Eu pude ver que usa irritação estava aumentando. Já vi esse olhar antes muitas vezes. Depois que ele começa a piscar os olhos rapidamente o momento está próximo. Então comecei a dizer para o Tony (o árbitro) pegá-lo. E ele pegou”, disse, rindo.

Tendências: