Carmelo põe mais pressão sobre os seus ombros
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Carmelo põe mais pressão sobre os seus ombros

Marcius Azevedo

21 de outubro de 2013 | 10h20

Carmelo Anthony decidiu testar o mercado ao final da próxima temporada da NBA, em julho de 2014. Isso não significa que o ala vai deixar o New York Knicks. A equipe terá que entrar na disputa com outras franquias para mantê-lo em seu elenco.

A postura do jogador serviu apenas para colocar mais pressão sobre os seus ombros. Agora qualquer atuação ruim não será perdoada. O desejo de ser agente livre não é o problema, desde que Carmelo não deixa o comprometimento diminuir de intensidade.

A primeira declaração do técnico Mike Woodson após o anúncio exteriorizou o sentimento não apenas de quem vai comandá-lo do banco. A fanática torcida dos Knicks vai cobrá-lo bastante ao longo da temporada 2013-2014. “Se vai testar o mercado de agentes livres, que o teste. Depende dele, mas nesse momento o que tem que se preocupar é somente com essa temporada, já que o que tem diante de seu nariz”, afirmou Woodson.

“Esperamos grandes coisas dele. Tem sido sempre assim desde que chegou e não vai mudar agora. É uma peça central desse projeto”, completou.

Na última temporada regular, Carmelo teve médias de 28,7 pontos, 6,9 rebotes e 2,6 assistências em 37 minutos em quadra. Nos playoffs, o desempenho foi praticamente o mesmo, apesar de ter jogando mais tempo. Foram 28,8 pontos, 6,6 rebotes e 1,6 assistências em 40,1 minutos em média.

Ao optar por testar o mercado, o ala pode assinar um novo contrato com os Knicks por cinco anos no valor de US$ 129 milhões ou por quatro anos com qualquer outra equipe no valor de US$ 95 milhões.

“Eu quero ser um agente livre. Acho que todos nos da NBA sonhamos um dia em ser um agente livre pelo menos uma vez em sua carreira. É como se você tivesse um período de avaliação. É como se eu estivesse na academia e eu vejo todos os treinadores, todos os proprietários, todos os General Manager’s entrarem no ginásio e apenas avaliar tudo o que faço. Então, sim, eu quero essa experiência”, declarou Carmelo.

O Los Angeles Lakers é o principal interessado em ficar com o jogador e colocá-lo para atuar ao lado de Kobe Bryant. Os olhos da NBA estarão atentos ao desempenho de Carmelo na temporada que começa no dia 29 de outubro, próxima terça-feira, seja pelo bem ou pelo mal. O ala de 28 anos terá de provar até onde pode chegar!

Carmelo Anthony, do New York Knicks, vai testar o mercado em 2014 (Reuters)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.