Com atuações sólidas, Damiris tem excelente início de temporada na WNBA
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Com atuações sólidas, Damiris tem excelente início de temporada na WNBA

Brasileira do Minnesota Lynx registra médias de 11,5 pontos, 6,3 rebotes e 1,5 roubada de bola

Marcius Azevedo

04 de agosto de 2020 | 12h42

Única representante do Brasil na WNBA, Damiris registra o seu melhor desempenho neste início de temporada em comparação aos anos anteriores na liga norte-americana feminina de basquete.

A brasileira foi titular nos quatro jogos do Minnesota Lynx (3 vitórias e uma derrota) e ostenta 30 minutos em quadra de média. Na temporada anterior, em 26 jogos (também como titular), foram 25,7 minutos, até então o maior tempo.

A permanência em quadra por um período maior está, obviamente, ligado ao desempenho de Damiris. A brasileira registra 11,5 pontos de média, número também superior ao conquistado na temporada passada (9,6 pontos).

O aproveitamento nos arremessos tem sido um pouco menor do que nos anos anteriores, mas, mesmo assim, é bastante positivo. Damiris registra 41,2% nos arremessos de quadra e 37,5% nas bolas de três pontos, além de 80% nos lances livres.

Damiris tem ainda 6,3 rebotes por jogo, superando os 5,1 de sua primeira temporada na WNBA, em 2014, também pelo Minnesota. São 4,8 rebotes defensivos e 1,5 rebote ofensivo de média.

A brasileira ainda registra 1,5 roubada de bola, superando o desempenho da temporada anterior de 0,7. Damiris só está um pouco atrás nas assistências, com 2,5 contra 3,2 de 2019.

Os números servem somente para comprovar o excelente desempenho de Damiris. O que se vê nas partidas é muito mais do que apenas estatísticas. A ala demonstra um amadurecimento absurdo em seu jogo, com uma contribuição nos dois lados da quadra, sempre com boas tomadas de decisões.

Tudo o que sabemos sobre:

basqueteWNBA

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.