Em Sarajevo, 50 mil recebem campeões europeus Sub-16
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em Sarajevo, 50 mil recebem campeões europeus Sub-16

Bósnia e Herzegovina conquistou o título no último domingo

Marcius Azevedo

18 de agosto de 2015 | 15h21

Comemoração pelo título europeu Sub-16 parou Sarajevo (AFP)

Comemoração pelo título europeu Sub-16 parou Sarajevo (AFP)

Sarajevo parou. Cerca de 50 mil pessoas tomaram as ruas da capital da Bósnia e Herzegovina na segunda-feira. Motivo? Recepcionar os campeões europeus Sub-16. A seleção local conquistou o título no domingo, com uma vitória sensacional diante da Lituânia, anfitrião do torneio, por 85 a 83.

A festa foi tão (ou até mais) emocionante do que o jogo. As pessoas receberam os jogadores ainda no aeroporto e acompanharam os campeões, que levaram diversas horas para fazer o deslocamento em um ônibus aberto até o local final da recepção. Tudo com transmissão ao vivo pela televisão nacional.

“É difícil dizer alguma coisa depois dessa recepção. Obrigado!”, afirmou o técnico Josip Pandza, que se tornou o mais jovem campeão europeu com apenas 28 anos. “É fácil treinar esses caras, que são muito qualificados. Eles demonstraram isso contra Espanha e Lituânia”, completou, citando, além do resultado na decisão, o triunfo na semifinal por 86 a 78.

Os jogadores também não esperavam uma recepção tão calorosa. A comemoração foi sem precedentes. “Não posso acreditar no que fizemos. Foi só quando vi todos aqui reunidos que tomei consciência do nosso sucesso”, afirmou Dzanan Musa, eleito o MVP do Europeu Sub-16.

Jogadores foram recepcionados por 50 mil pessoas (AFP)

Jogadores foram recepcionados por 50 mil pessoas (AFP)

Musa terminou o torneio com impressionantes médias de 23,3 pontos, nove rebotes e 6,3 assistências, além de 1,6 recuperações de bola e 1,1 tocos. “Não vamos parar por aqui. Este é apenas o começo de grandes momentos para esta geração”, discursou o MVP, bastante emocionado.

As comemorações sem precedentes impressionaram outros esportistas da Bósnia e Herzegovina. O atacante Edin Dzeko, reforço da Roma, da Itália, para esta temporada, compartilhou fotos da festa nas redes sociais.

Até um jogador da Lituânia, Mindaugas Kuzminskas, que atua no Unicaja, da Espanha, se rendeu aos festejos em Sarajevo e elogiou a recepção aos jogadores que venceram seu país na decisão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: