As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

LeBron James, o MVP, continua imparável

Marcius Azevedo

19 de março de 2013 | 10h45

Os jogadores do Boston Celtics estavam motivados para derrotar o invicto Miami Heat. Mesmo sem Kevin Garnett, o time do técnico Doc Rivers abriu 17 pontos de diferença no primeiro tempo, mas, do outro lado da quadra, estava um tal de LeBron James.

O astro do Heat provou mais uma vez porque é favorito ao prêmio de MVP da temporada regular e porque o Miami é candidatíssimo ao bicampeonato da NBA.

LeBron atropelou literalmente os Celtics na vitória por 105 a 103, a 23ª consecutiva, ultrapassando o Houston Rockets de 2007/2008, que tinha em seu elenco, além de nomes como o gigante chinês Yao Ming, Shane Battier, atualmente no Miami. Agora só falta superar o Los Angeles Lakers de 1971-1972, que somou 33 vitórias seguidas. “Isso significa muito”, resumiu o astro.

O ala fez 37 pontos (acertou 16 de 29 tentativas e converteu quatro de seis lances livres), além de distribuir 12 assistências e amealhar sete rebotes, ficando próximo de conseguir um triplo-duplo.

Mais do que os números, LeBron se apresentou na hora da decisão, convertendo os últimos quatro pontos do Miami no jogo. Não bastasse tudo isso, o ala deu uma enterrada sensacional no segundo quarto. Jason Terry deve estar atordoado até agora.

Confira o vídeo da enterrada espetacular de LeBron James:

Fato é que o Miami continua caminhando com muita força para conquistar o título. Claro que San Antonio Spurs e Oklahoma City Thunder não podem ser descartado, mas o Heat, salvo algum acidente de percurso (a lesão de alguma de suas estrelas, por exemplo), dificilmente perderia quatro em uma série de sete jogos.

Confira o vídeo dos melhores momentos da 23º vitória do Heat:

Se LeBron continua dando show, Kobe Bryant perdeu o segundo jogo consecutivo do Los Angeles Lakers. Depois de derrotar o Sacramento Kings com o astro fora de combate, o time da Califórnia sofreu uma derrota para o fraco Phoenix Suns por 99 a 76.

A sorte dos Lakers é que o Utah Jazz, concorrente pela última vaga para os playoffs, também foi derrotado na rodada de segunda-feira. A equipe de Salt Lake City reabilitou o New York Knicks em partida disputada na EnergySolutions Arena: 90 a 83.

Com isso, o Los Angeles continua na oitava colocação da Conferência Oeste. Mesmo sem Kobe, os Lakers continuam vivos na luta para chegar aos playoffs.

Confira os melhores momentos da derrota dos Lakers para o Suns:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.