Previsão se confirma: Lucas Bebê fica mais um ano na Espanha
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Previsão se confirma: Lucas Bebê fica mais um ano na Espanha

Marcius Azevedo

13 de agosto de 2013 | 09h00

Os sinais estavam claros desde o fim do mês de julho (leia aqui o comentário que fiz neste espaço) e se confirmaram nesta terça-feira. O gerente geral do Atlanta Hawks, Danny Ferry, afirmou em entrevista ao Atlanta Journal-Constitution que o brasileiro Lucas Nogueira, o Bebê, vai ficar mais um ano na Espanha.

“Ele vai continuar evoluindo ao voltar para o Estudiantes, jogando contra grandes jogadores, com minutos importantes e em competições de alto nível”, afirmou Ferry, que acrescentou ainda ter ficado bastante animado com o desempenho do pivô de 2,13 m na Liga de Verão.

A verdade é que Ferry percebeu que Lucas Bebê ainda estava um pouco cru, principalmente fisicamente, para entrar na NBA logo em seu primeiro ano. O dirigente, com anuência do técnico Mike Buderholzer, optou por deixá-lo mais um ano no basquete espanhol para se desenvolver.

Lá, com certeza, será acompanhado de perto pelos profissionais do Atlanta Hawks para ser utilizado na temporada 2014-2015.

Até por causa da dúvida em relação ao brasileiro, Ferry decidiu reforçar o garrafão na abertura do mercado de transferências. Além de Al Horford e Mike Scott, que estavam no elenco, o dirigente contratou Elton Brand, Gustavo Ayon e Pero Antic.

Vale lembrar ainda que os Hawks haviam contratado logo de cara Paul Millsap, ex-Utah Jazz, que é ala de força (posição quatro), mas também pode atuar como pivô se for necessário.

Sem Lucas Bebê, o Brasil tem até o momento quatro brasileiros confirmados para a disputa da próxima temporada: Nenê (Washington Wizards), Anderson Varejão (Cleveland Cavaliers), Tiago Splitter (San Antonio Spurs) e Vitor Faverani (Boston Celtics).

O também pivô Fab Melo tem contrato com o Boston Celtics, mas ainda não sabe se será aproveitado nesta temporada. Há chance de ele ficar mais uma ano na D’League (Liga de Desenvolvimento da NBA). Raulzinho também não deve ficar no Utah Jazz.

O armador Scott Machado, dispensado pelo Golden State Warriors, ainda tenta descolar uma equipe para a próxima temporada.

O mesmo vale para Leandrinho Barbosa. O irmão do ala, que é também o seu empresário, disse que ele tinha propostas de Dallas Mavericks, Houston Rockets e Chicago Bulls, mas, por enquanto, nada de ele acertar.

Lucas Bebê vai ficar mais um ano no Estudiantes, da Espanha

Tudo o que sabemos sobre:

Atlanta HawksLucas Bebê

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: