Após polêmica, Rafael Hettsheimeir viaja para testes na NBA
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Após polêmica, Rafael Hettsheimeir viaja para testes na NBA

Depois de cobrança de Rubén Magnano sobre pedido de dispensa, pivô deve treinar no San Antonio Spurs e Atlanta Hawks

Marcius Azevedo

26 Agosto 2015 | 14h22

O técnico Rubén Magnano criou polêmica sem necessidade com Rafael Hettsheimeir. O argentino reclamou publicamente do pedido de dispensa do pivô da seleção, alegando que ele disse que iria fazer testes na NBA, mas ignorou mensagens em que era questionado sobre datas e times interessados. O jogador do Paschoalotto/Bauru embarca para os Estados Unidos na sexta-feira.

A direção da equipe paulista liberou Hettsheimeir até o dia 6 de setembro. Os nomes das franquias não foram revelados.

Internamente, o comentário no clube é que o pivô, primeiramente, vai passar um período sendo observado pelo San Antonio Spurs no Texas. O técnico Gregg Popovich teria interesse no brasileiro por causa do bom aproveitamento nas bolas de três pontos, algo que não é comum para um pivô.

O Atlanta Hawks é outro time que teve o nome comentado em Bauru. Dono da melhor campanha da Conferência Leste na última temporada – caiu para o Cleveland Cavaliers nos playoffs -, o time da Geórgia contratou recentemente Tiago Splitter, que foi adquirido justamente em uma troca com os Spurs.

Rafael Hettsheimeir durante evento em São Paulo (Bauru Basket)

Rafael Hettsheimeir durante evento em São Paulo (Bauru Basket)


Para Hettsheimeir, o que está em jogo é o sonho de atuar na maior liga do mundo. “Eu gostaria muito de jogar lá, como todo jogador”, afirmou o pivô, nesta semana, ao ser questionado em evento para divulgação do Mundial de Clubes, que acontece nos dias 25 e 27 de setembro, contra o Real Madrid, no Ibirapuera.

A direção do Bauru torce pelo sucesso da empreitada. Há uma cláusula de liberação em caso de proposta da NBA. O mesmo ocorre com o ala Léo Meindl e o armador Ricardo Fischer.

O clube já se prepara inclusive para perder o principal jogador do elenco. A diretoria trabalha com três nomes à altura de Hettsheimeir para uma reposição imediata, evitando perder força, já que o ano promete para o time de Bauru.

Além do Real Madrid, na disputa pelo título mundial, Bauru vai disputar dois jogos nos Estados Unidos, em outubro, contra New York Knicks e Washington Wizards, pela pré-temporada da NBA.