As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Rose não garante volta aos Bulls nesta temporada

Marcius Azevedo

14 de fevereiro de 2013 | 08h57

O técnico Tom Thibodeau pretendia contar com um reforço nos playoffs capaz de colocar o seu Chicago Bulls na lista de favoritos ao título. Mas o armador Derrick Rose tratou de jogar um balde de água fria nas pretensões do treinador.

Depois da derrota para o Boston Celtics na noite de quarta-feira, o astro do Bulls avisou que só vai voltar se estiver se sentindo 100%. E, por enquanto, Rose, que sofreu uma grave lesão no joelho esquerdo na primeira partida dos playoffs no ano passado, prefere colocar um enorme ponto de interrogação em seu retorno.

“Eu ainda não estou me sentindo bem. Eu não me importaria de perder este ano”, afirmou o armador para desespero dos torcedores do Chicago.

Não que os Bulls estão fora do páreo sem Rose, mas, para ter mais chances contra Miami Heat, New York Knicks e companhia na briga pelo título da Conferência Leste, o retorno do armador é urgente.

Rose quer ganhar mais confiança nos treinos antes de tomar uma decisão.

“Quero muito jogar ainda neste ano. Eu adoraria. Estou tentando voltar o mais rápido possível, mas não posso precipitar nada. A minha recuperação precisa ser plena”, afirmou o armador.

Todos em Chicago aguardam ansiosamente pela decisão do astro da franquia. Com uma campanha de 30 vitórias e 22 derrotas, os Bulls estão garantidos nos playoffs. E com Rose em quadra podem sonhar com algo maior.

Confira o vídeo do momento em que Derrick Rose se lesionou no ano passado:

Tudo o que sabemos sobre:

Chicago BullsDerrick RoseTom Thibodeau

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.