Técnico do Atlanta Hawks colhe fruto da ótima campanha
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Técnico do Atlanta Hawks colhe fruto da ótima campanha

Dono da melhor campanha na Conferência Leste, Mike Budenholzer será um dos técnicos no All-Star Game, em fevereiro

Marcius Azevedo

22 de janeiro de 2015 | 09h53

A excelente campanha do Atlanta Hawks na temporada da NBA rendeu o primeiro fruto ao técnico Mike Budenholzer.

Responsável pela reformulação do time líder da Conferência Leste e segundo melhor da liga, atrás apenas do Golden State Warriors, o ex-auxiliar de Gregg Popovich no San Antonio Spurs será um dos treinadores no All-Star Game, o tradicional “Jogo das Estrelas”, que acontece no Madison Square Garden, em Nova Iorque, no dia 15 de fevereiro.

A posição foi conquistada na noite de quinta-feira. A vitória sobre o Indiana Pacers por 110 a 91 garantiu ao Atlanta Hawks desempenho superior aos rivais de conferência até o All-Star Game e automaticamente qualificou Budenholzer para ser o treinador. A vaga fica com o técnico da melhor campanha.

A equipe da Georgia alcançou o 14º triunfo consecutivo, igualando o recorde de vitórias seguidas da história da franquia, registrado em 1993/1994. O Atlanta, que venceu 28 dos últimos 30 jogos, soma 38 vitórias e tem apenas oito derrotas.

Mike Budenholzer será o treinador do time da Conferência Leste

Mike Budenholzer será o treinador do time da Conferência Leste (EFE)

Budenholzer, claro, fez questão de agradecer o trabalho dos seus auxiliares (Kenny Atkinson, Darvin Ham, Taylor Jenkins, Charles Lee, Neven Spahija e Ben Sullivan) e, principalmente, dos jogadores.

“Eles (auxiliares) fazem um trabalho fantástico. É uma grande honra, mas são os nossos jogadores que nos colocam nesta posição. São os jogadores que merecem o crédito”, afirmou o treinador, ao ser questionado sobre ter garantindo o cargo de técnico da Conferência Leste no All-Star Game.

A verdade é que Budenholzer merece boa parte do crédito. Ele foi o responsável por uma reformulação (necessário) na equipe. Os Hawks abriram mão de um grande astro (Josh Smith foi o último) para privilegiar o coletivo.

A fórmula está dando resultado até aqui.

A única dúvida que ainda paira sobre Jeff Teague, Kyle Korver, DeMarre Carroll, Paul Millsap e Al Horford, que formam o quinteto titular, é se eles estão preparados psicologicamente para suportar a pressão dos playoffs.

Tudo o que sabemos sobre:

Atlanta HawksMike BudenholzerNBA

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.