Vitória sobre a Grécia foi fundamental por vaga em Tóquio-2020
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Vitória sobre a Grécia foi fundamental por vaga em Tóquio-2020

Brasil carrega resultados para fase seguinte e isso pode ser determinante para avançar às quartas de final

Marcius Azevedo

03 de setembro de 2019 | 17h40

A vitória diante da Grécia por 79 x 78 foi fundamental para o Brasil sonhar com uma vaga nas quartas de final do Mundial da China e, desta maneira, ter mais condições de garantir classificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Motivo? A seleção brasileira carrega os três resultados da primeira fase para o grupo que será formado na etapa seguinte com os dois primeiros de E e F. Ou seja, se cumprir o que se espera na quinta-feira, às 5h (horário de Brasília) com uma vitória diante do eliminado Montenegro, o time do técnico Aleksandar Petrovic somará três triunfos.


Alex e Varejão foram fundamentais para o triunfo nesta terça. Foto: Edgar Su/Reuters

Na fase seguinte, o Brasil vai cruzar com os Estados Unidos (tem duas vitórias e ainda enfrenta o Japão) e o segundo colocado do Grupo E, que será conhecido no confronto entre Turquia e República Checa. Independentemente de quem passar, este adversário da seleção vai carregar uma derrota, assim como quem se classificar na chave brasileira, entre Grécia e Nova Zelândia.

Teoricamente, uma vitória na fase seguinte bastaria para classificar os brasileiros para as quartas de final. Para se garantir em Tóquio-2020, o Brasil tem de ficar entre os dois melhores das Américas. República Dominicana e Argentina também já avançaram à segunda fase. Venezuela e Porto Rico entram na última rodada com chances de se garantir.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.