As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Torcedor de liminar

Luiz Zanin Oricchio

28 de fevereiro de 2013 | 00h42

Quatro torcedores conseguiram entrar no Pacaembu para ver o jogo do Corinthians. Conseguiram através de uma liminar.

O clube pediu que eles não o fizessem, pois poderiam prejudicá-lo. Ainda mais do que já está prejudicado.

Os engravatados não recuaram. “Somos consumidores, temos direito”. E ponto. O consumidor é rei. Um reizinho que não pode ser contrariado.

Aos consumidores, prefiro os cidadãos, que colocariam os interesses do clube acima dos seus próprios.

Aos engravatados que entraram com mandato na mão, prefiro os corintianos de verdade, que estavam na Praça Charles Miller, torcendo para o time que jogava lá dentro sem que eles vissem. Isso é amor. O resto é conversa de consumidor.

Consumidor é aquele que consome. E só.

Que mundo, meu Deus!

Tudo o que sabemos sobre:

futebol

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.