As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Valeu o teste?

Luiz Zanin Oricchio

11 de setembro de 2012 | 14h21

Não sei o que vocês acham. Mas eu já vi muito time de várzea jogar melhor do que aquela seleção chinesa. Pelo menos, na várzea, os jogadores têm noção do que seja o futebol. Coisa que os chineses pareciam ignorar.

Assim, ficou muito fácil enfiar essa goleada histórica que, na verdade, não tem qualquer sentido. O futebol chinês, a julgar por esta amostra, é de um primitivismo total. Simplesmente, têm pouca noção dos elementos básicos do jogo.

Para resumir: foi uma baba. Em termos de experiência, entrosamento, etc, não valeu nada.

Pode ter valido para tirar um pouco de pressão sobre o grupo e sobre Mano Menezes. Mas foi só.

E vou bater eternamente na mesma tecla. Quando acontece jogo da seleção, o Campeonato Brasileiro tem de parar. Para não prejudicar os clubes.

Essa deveria ser a regra básica. O clube em primeiro lugar. É o clube que paga os salários. É o clube que faz esforço e se vira para segurar seus jogadores mais badalados, justamente os que acabam indo para a seleção.

Espezinhar os clubes não é apenas uma sacanagem da CBF. É falta de inteligência, mesmo.

Tudo o que sabemos sobre:

futebol

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: