A nova dos banheiros de Sochi: americano destrói porta após ficar preso
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A nova dos banheiros de Sochi: americano destrói porta após ficar preso

Demétrio Vecchioli

08 de fevereiro de 2014 | 11h37

Nem a polêmica lei antigay repercute mais do que os banheiros de Sochi. O problema já foi as privadas duplas, passou pela placa de “proibido pescar na privada” (relembre!) e agora é o trinco quebrado.

Neste sábado, o atleta de bobsled dos Estados Unidos  Johnny Quinn ficou preso no banheiro do seu quarto na Vila Olímpica. Sem celular, não teve dúvidas. “Usei meus treinos de como empurrar um trenó de bobsled”, explicou ele, ao postar a foto acima no Twitter.

Ah, reparem num fato importante: A porta, pelo jeito, é feita de papelão.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.