As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Augusto Dutra melhora recorde no salto com vara

Demétrio Vecchioli

24 de junho de 2013 | 12h01

Augusto Dutra tira a tradicional foto ao lado do placar que mostra seu recorde

Augusto Dutra tira a tradicional foto ao lado do placar que mostra seu recorde

Eu já falei diversas vezes do Augusto Dutra aqui, mas à medida que os feitos dele crescem, é preciso repetir. Neste sábado, em Hof (Alemanha), numa pista montada no meio da rua, ele melhorou em 1cm o recorde sul-americano dele no salto com vara. Venceu a competição com 5,82m, assumindo o sexto lugar do ranking mundial.

A marca é incrível quando você pensa que Augusto, de 22 anos, tinha como melhor salto 5,45m até o começo do ano. Em seis meses já evoluiu 37cm e não será surpresa se fechar 2013 saltando meio metro mais alto do que começou a temporada.

Já com o título garantido em Hof ele ainda tentou 5,91m, que seria o recorde da competição, mas não conseguiu superar o sarrafo a esta altura. Mas a regularidade em saltar acima de 5,70m já garante a ele estar na final no Mundial de Moscou e brigar de igual para igual contra os melhores do mundo por um pódio.

O salto com vara masculino brasileiro ainda tem dois grandes nomes: Fábio Gomes, que era o antigo recordista brasileiro, mas que rompeu o tendão de Aquiles e está parado, e Thiago Braz, campeão mundial juvenil, que vai ao seu primeiro Mundial adulto (tem 5,60m como melhor salto). Ele competiu em Hof, mas não acertou nenhum salto.

No feminino, Fabiana Murer parece ter voltado a saltar bem após a lesão. No sábado, ela venceu na Alemanha com 4,71m, apenas três centímetros abaixo do seu melhor salto no ano. Atualmente ela é a terceira do mundo, atrás de Yarisley Silva (Cuba) e Jennifer Suhr (EUA).

A equipe da BM&F Bovespa, treinada por Elson Miranda, tem ainda Karla Rosa, de 28 anos, que fez o índice B para o Mundial no mês passado, mas não tem conseguido manter a forma. Na Alemanha, saltou apenas 4,20m. O nome do futuro é Juliana de Menis Campos, que fez 3,85m no Brasileiro de Menores e bateu o recorde da categoria.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.