Botafogo tem a melhor jogadora do mundo de polo aquático
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Botafogo tem a melhor jogadora do mundo de polo aquático

Demétrio Vecchioli

13 Dezembro 2014 | 16h37

Brenda com o ouro dos Jogos de Londres

Brenda com o ouro dos Jogos de Londres

Imagine se o Botafogo tivesse o Ronaldinho Gaúcho no seu time e não divulgasse uma linha sobre o assunto. É mais ou menos isso que acontece no time de polo aquático feminino. O clube disputa o Campeonato Brasileiro com a norte-americana Brenda Villa, melhor jogadora do mundo na última década (2001/2010) segundo a Fina (Federação Internacional de Natação), mas não fez questão de contar para ninguém. Não há nenhuma referência a ela no site ou nas mídias sociais do clube.

A contratação de jogadoras estrangeiras para a disputa do Troféu Olga Pinciroli (como o Brasileiro é chamado) é recorrente. Afinal, o torneio, com meros cinco times (Flamengo, Botafogo, Pinheiros, Paulistano e Paineiras) dura só uma semana. Como acontece no verão brasileiro, atrai atletas que atuam na Europa e que estão de férias no inverno de lá. Cada equipe pode ter duas estrangeiras.

Os clubes oferecem a oportunidade de jogar um torneio de baixíssimo nível técnico quando comparado às competições europeias e as jogadoras aproveitam a viagem para curtir o Rio. Afinal, praticamente todos os jogos acontecem lá – nesta edição, só duas partidas, entre paulistas, por contenção de custos, aconteceram em São Paulo.

A situação do polo aquático feminino no País, aliás, é vergonhosa. Os times jogam por 15 dias durante o ano. O Troféu Brasil, em abril, durou quatro dias e contou com quatro times (Fla, Botafogo, Pinheiros e Paulistano). No juvenil (sub-19), um único torneio, que também durou quatro dias, e contou com cinco equipes (Fla, Botafogo, Sesi, Pinheiros e Paineiras).

A própria CBDA não ajuda. O primeiro texto no site oficial sobre a realização do Olga Pinciroli foi publicado após a abertura da competição. Até agora, a entidade não publicou qualquer declaração de Brenda ou de qualquer outra jogadora que participa do campeonato. O Pinheiros tem tudo para ser campeão de novo – venceu quatro das cinco edições anteriores. Neste sábado, fez 14 a 3 no Botafogo.

Mais conteúdo sobre:

polo aquático