As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasil pode ter hoje seu primeiro atleta classificado para a Olimpíada

Demétrio Vecchioli

13 de outubro de 2014 | 12h23

Atualizado às 15h12

O Brasil pode conquistar, nesta segunda-feira, no Campeonato Pan-Americano de Tiro Esportivo, em Guadalajara (México), as primeiras vagas nos Jogos do Rio/2016 além daquelas já asseguradas ao país-sede. Antes, o próprio Mundial de Tiro Esportivo já distribuiu vagas, mas os brasileiros não chegaram entre os primeiros colocados.

Em Guadalajara estão em jogo 11 vagas nos Jogos do Rio, para os campeões continentais de 11 das 15 provas olímpicas – ficam fora a fossa olímpica e o skeet feminino; a pistola tiro rápido e a fossa double entre os homens. O Brasil já tem assegurados atletas em nove provas, por ser país-sede, mas pretende substituir o convite por vagas obtidas por méritos técnicos. Afinal, isso vai poder permitir que se busque, nos Jogos Pan-Americanos/2015 e em etapas de Copa do Mundo, uma segunda vaga nas provas.

Nesta segunda-feira, o Pan-Americano começa com as disputas na pistola de ar, para homens e mulheres. No feminino, chances irrisórias com Daniele Diógenes, Rachel Silveira e Tatiana Cruz. Entre os homens, possibilidades reais com Julio Almeida (47.º do mundo) e Felipe Wu (48.º). Melhor que eles no ranking mundial, só um norte-americano. José Carlos Iengo é azarão. (EDITANDO: Julio Almeida foi o único brasileiro a avançar à final)

Além da pistola de ar, são boas as chances com Bruno Heck (carabina três posições), Cássio Rippel (favorito na carabina deitado) e Rodrigo Bastos (favorito na Trap, de tiro ao prato). Comparando: em Londres, a delegação teve apenas dois atletas.

Com escrevi em julho, o Brasil tem 311 vagas garantidas no Rio/2016. O blogueiro calcula que serão entre 405 e 425 brasileiros na Olimpíada. No tiro esportivo, eu havia colocado um limite de 12 vagas, mas eu não me atentei ao fato de que a vaga conquistada por mérito técnico elimina o convite. Assim, provavelmente serão 9 vagas, no máximo 10.

Tudo o que sabemos sobre:

Rio/2016Tiro Esportivo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: