As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

E o que mais? – Brasileiros ficam mais longe da elite do golfe

Demétrio Vecchioli

17 de setembro de 2013 | 15h59

GOLFE – A coisa ficou feia para os dois brasileiros que tentam um cartão no PGA Tour do ano que vem. No Nationwide Children`s Hospital Championship, penúltimo torneio de uma repescagem de quatro, Alexandre Rocha foi 28º e Fernando Mechereffe o 58º.

Com isso, ambos caíram no ranking do Web.com Tour. Rocha é o 58º e precisa de um top10 no último torneio da temporada para jogar o PGA Tour do ano que vem. Já Mechereffe caiu para o 110º lugar e só ganha o cartão se terminar o último torneio com o vice-campeonato.

HIPISMO – O Global Champions Tour realizou sua antepenúltima etapa em Lausanne (Suíça). Doda desta vez não participou, mas Rodrigo Pessoa representou o Brasil e foi 17º colocado com Citizenguard Cadjanine Z. Já Eduardo Menezes, montando Calavda, foi até o desempate, mas perdeu 12 pontos e terminou em nono. Marlon Zanotelli (Clouwni) foi o 36º.

VELA – Santander (Espanha) organizou na semana passada um evento teste para se preparara para o Mundial ISAF do ano que vem. O Brasil levou apenas dois barcos, numa competição que não teve alto nível técnico. Renata Decnop/Isabel Swan terminaram em oitavo na 470. Na Finn, duas semanas depois do Mundial de Classe, apenas seis inscritos. E Pedro Henrique Trouche de Souza acabou em quinto.

VÔLEI DE PRAIA – Vitória recebeu etapa do Circuito Nacional com algumas novidades. Rodrigão voltou ao vôlei de quadra. Lipe e Beto Pitta se separaram. Agora temos Lipe/Marcus, Léo Gomes/Beto Pitta.

Lipe/Marcus ficaram com a prata no Espírito Santo, derrotado por Léo Vieira/Bernat. Allison/Guto, dupla campeã mundial sub-21, foi quarta colocada. No feminino, o título ficou com as cearenses Luiza Amélia e Luciana, que venceram Elize Maia e Fernanda Berti, quinta dupla da seleção.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: