As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

E o que mais? – Semana teve Brasileiro de Boxe e maratonas

Demétrio Vecchioli

09 de outubro de 2013 | 14h01

Sergipe, Bahia e São Paulo foram os grandes vencedores do Campeonato Brasileiro Masculino de Boxe Amador, encerrado neste domingo em Aracaju. A competição foi esvaziada pela ausência dos principais boxeadores do País, que estão na Alemanha se preparando para o Mundial. Não dá para entender.

Bom, vamos aos campeões: Paulo Carvalho (BA, 49kg), Leandro Santos (BA, 52kg), Wiliton Santos (PR, 56kg), Max Santos (SE, 60kg), Joedison Teixeira (SP, 64kg), Arisson Tavares (SE, 69kg), Pedro Lima (BA, 75kg), Marcos Lamas (SP, 81kg), Rafael Lima (PA, 91kg), Cosme Nascimento (SP, +91kg).

ATLETISMO – A Maratona de São Paulo aconteceu neste fim de semana e tanto no masculino os melhores brasileiros ficaram em quarto. Edmilson dos Reis Santana com 2h19min13s e Cruz Nonata da Silva com 2h42s06. Desinteressante para os principais atletas do País, a prova foi esvaziada.

Franck Caldeira, por exemplo, correu a Maratona de Lisboa. Depois de se preparar o Quênia, o atleta da Orcampi sentiu cãimbras no quilômetro 33 e abandonou. A prova foi vencida pelo queniano Paul Lonyangata, que havia sido contratado para atuar como coelho. Foi até o fim e ganhou.

HIPISMO – Cesar Almeida, montando Vanity Imperio Egípcio, venceu no domingo o Concurso de Saltos de Porto Alegre, válido para o ranking mundial. A segunda colocada foi a norte-americana Meagan Nusz, logo à frente do brasileiro Eric Zorzetto, com Demi-Pracht. José Roberto Reynoso (Maestro St Lois) foi sexto e lidera o ranking nacional.

HANDEBOL – Falar do Hypo Nö é falar da seleção brasileira feminina de handebol. Até o técnico (Morten Soubak) agora é o mesmo. E o time austríaco começou muito mal na Liga dos Campeões da Europa, levando 41 x 22 do Györi Audi, de Duda (4 gols). Alexandra foi a artilheira do jogo, com oito. Deonise e Fernanda marcaram quatro vezes cada também. O Krim Mercator venceu na estreia com cinco de Dani Piedade.

GINÁSTICA DE TRAMPOLIM – A modalidade é uma daquelas em que a evolução é mínima no ciclo. Neste fim de semana a seleção competiu em Odense (Dinamarca). Giovanna Venetíglio foi a 28ª (87,975 pontos), Joana Perez ficou em 34º (69,325) e Camilla Gomes em 42º (47,130). No masculino, Rafael Oliveira Andrade foi o 43º (58,370) e Carlos Ramirez Pala o 49º (50,470). Ninguém ficou perto de final.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.