Emanuel e Pedro vencem de novo; Vem aí da dupla de 2016?
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Emanuel e Pedro vencem de novo; Vem aí da dupla de 2016?

Demétrio Vecchioli

24 de fevereiro de 2014 | 13h14

Ao que tudo indica, apareceu a dupla favorita a ser a esperança do Brasil nos Jogos do Rio/2016. Ok, foram só duas etapas do Circuito Brasileiro, mas levando em conta o histórico e o potencial individual de Pedro Solberg e Emanuel não dá para pensar coisa diferente. Já são dois títulos seguidos de uma dupla de treina junto há pouco mais de um mês. Isso contra rivais que vêm de parceria longa.

Para não dar margens para dúvidas, os dois títulos foram sobre Bruno Schmidt e Alison, seus antigos parceiros. Em João Pessoa, neste fim de semana, por 2 sets a 0, com indiscutíveis 21/17 e 21/16. Na semifinal, Pedro e Emanuel já haviam passado por Ricardo/Márcio, dupla campeã do Circuito por antecipação. Antes, ganharam de Hevaldo/Bruno, Renatao/Harley, Luciano/Edson Filipe.

Lógico que não dá para ignorar o desempenho de Bruno/Alison também. São três etapas jogando juntos também e duas finais seguidas. Só não foram mais longe porque os antigos companheiros não deixaram, o que só valoriza o desempenho de Emanuel e Pedro.

No ranking individual das últimas 10 etapas (oito dessa temporada, duas da anterior), Emanuel lidera, seguido de Pedro, Alison e Bruno, o que mostra que dificilmente não serão esses quatros a jogar a Olimpíada. E todos foram a apenas nove etapas. Um pouco atrás aparecem Ricardo e Márcio (que jogaram 10) e só depois disso todo o resto: Hevaldo, Bruno, Jorge, Fernandão, Oscar, Vitor Felipe, Evandro… Álvaro Filho, vice-campeão mundial com Ricardo, aparece beeeem atrás.

FEMININO – Entre as mulheres, porém, tudo indefinido. Ágatha/Bárbara Seixas, que conquistou o título da temporada passada sob a alegação de que outras duplas fortes foram desfeitas, agora caminha para o título sem poréns. Elas venceram em João Pessoa e têm 80 pontos de folga sobre Juliana/Maria Elisa. Na última etapa, em Maceió, precisam só chegar até as quartas de final.

Na final em João Pessoa, venceram Maria Clara/Carol, dupla que só havia feito uma decisão em seis etapas na temporada. Talita/Taiana, que venceu o Circuito Mundial, aparece atrás das outras três concorrentes da seleção. Um pouco distante está a Lili, que vem jogando com a Duda e, de novo, ficou nas quartas de final.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.