As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Emanuel e Pedro vencem ex-parceiros e ganham primeiro título

Demétrio Vecchioli

10 de fevereiro de 2014 | 11h44

Um mês. Foi o tempo que Emanuel e Pedro Solberg precisaram para se entrosar jogando juntos e conquistar o primeiro título da dupla, exatamente sobre seus ex-parceiros Alison e Bruno Schmidt. Para o filho de Isabel a conquista na etapa de Natal (RN) do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia teve um gostinho especial, uma vez que foi Bruno quem rompeu a parceria. Alison e Emanuel se separaram amigavelmente.

“Posso dizer que é um dos mais importantes da minha carreira, pois tem um significado muito especial. Nunca imaginei jogar ao lado do Emanuel, um cara que eu via jogar quando eu ainda era criancinha. Devia ter uns 7 anos. Aprendo demais a cada dia com ele. Estou muito feliz”, comemorou Pedro.

Esta foi a segunda etapa da dupla, que já havia atuado também em São Luiz (MA), sendo eliminados nas quartas de final, mesmo resultado de Alison/Bruno. Em Natal, a decisão teve parciais de 21/18 e 24/22.

Veteranos, Ricardo e Márcio foram novamente ao pódio, desta vez com um bronze, e seguem liderando com folgas o ranking do Circuito. Nada tira deles o título, até porque os principais concorrentes se separaram durante a temporada, o que inviabiliza a briga pelo título. Os líderes têm 2.280 pontos, contra 1.800 de Bruno/Hevaldo e 1.680 de Evandro/Vitor Felipe. Faltam duas etapas para o fim do Circuito – João Pessoa, em 15 dias, e Maceió, em 45.

FEMININO – Entre as mulheres as coisas parecem estar voltando ao normal. Juliana/Maria Elisa perdeu a final para Talita/Taiana mas assumiu a liderança do ranking apesar do terceiro lugar de Ágatha/Bárbara Seixas, que estavam em primeiro até esta que foi a sétima etapa e agora novamente dividem a ponta. Talita/Taiana está em terceiro.

As irmãs Maria Clara e Carol, que não fazem boa temporada no Circuito Brasileiro, ficaram com o quarto lugar em Natal, mas não brigam mais pelo título geral. Nas quartas de final, elas precisaram de três sets para vencer Lili/Duda. Nunca é demais lembrar que Duda tem só 15 anos.

CIRCUITO SUL-AMERICANO – Como a etapa de Viña Del Mar (Chile) era concomitante à do Circuito Brasileiro, a CBV não mandou ninguém que estava inscrito em Natal. Assim, no masculino o Brasil teve Allison/Guto, dupla campeã mundial sub-21 e também da primeira etapa do circuito continental, terminando desta vez com o bronze. No feminino, Thais, antiga parceira de Duda, jogou com Fabíola e ganhou a prata.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.