As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sete brasileiros do ciclismo de pista treinarão na Suíça

Demétrio Vecchioli

19 de setembro de 2013 | 21h10

Ciclismo

Das modalidades olímpicas, talvez nem o hóquei sobre grama engatinhe tanto no Brasil quanto o ciclismo de pista. Desde 1992 o País não envia um representante para os Jogos Olímpicos. Participar de Mundial? Nem pensar. Medalha em Pan? Também nada. Mas não é por menos: sequer há onde se treinar. O Velódromo construído para o Pan do Rio foi desmontado.

Mas ninguém quer fazer feio (se conseguir vaga) nos Jogos do Rio. Por isso, a Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) em parceria com o Comitê Olímpico Brasileiro (COB), está mandando oito ciclistas jovens para uma série de treinamentos no Centro Mundial de Ciclismo UCI, na Suíça.

“O principal objetivo do nosso projeto é desenvolver e aperfeiçoar as qualidades técnicas e físicas dos nossos principais atletas. Os nomes incluídos nessa primeira etapa, não são os únicos que fazem parte do projeto. Temos vários outros nomes que também podem ser contemplados e outros que estão sendo avaliados”, desta Francisco Florencio, diretor de alto Rendimento da CBC.

Foram escolhidos: Flavio Vagner Cipriano (LiveWright), Diefferson Borges (Chapecó), Kacio de Freitas (LiveWright), Davi Romeu (GF Ciclismo), Gabriela Yumi (Maringá), Wellyda Santos (Americana) e Hiriah Karoline (LiveWright). Eles ficam na Suíça até dezembro e participam de etapas da Copa do Mundo – em novembro tem uma em Manchester e em novembro outra no México.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: