As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Vice-campeão mundial, Robson Conceição vence a segunda no WSB

Demétrio Vecchioli

11 de janeiro de 2014 | 20h58

Vice-campeã mundial de boxe amador, Robson Conceição venceu neste sábado a sua segunda luta como (semi) profissional. Lutando na World Series Boxing (WSB), o brasileiro garantiu um ponto para a equipe Italia Thunder ao vencer o norte-americano Daquan Mays, da USA Knockouts, em Miami, sede do time norte-americano.

A WSB é a nova aposta da Aiba (Associação Internacional de Boxe Amador). A liga tem equipes nacionais e os confrontos têm cinco lutas. EUA x Italia se enfrentaram pela quinta rodada da fase de grupos e os donos da casa é que levaram a melhor, ganhando três das cinco lutas. Cada time tem uma série de boxeadores em cada categoria e escala aqueles que considerar mais preparados para o confronto. Depois da fase de grupos, são prometidas quartas, semifinal e final. Um total de 16 “partidas” para os finalistas, com oito lutas em cada categoria.

Robson já havia vencido na estreia dele, quando lutou contra Brian Ivan Nuñez, do Argentina Condors, por decisão unânime dos árbitros. A vitória sobre Mays, de apenas 20 anos, também foi por pontos, mas o resultado exato não foi divulgado pela WSB até agora.

O que o site da entidade diz é que o comentarista da luta apontou Robson como o melhor boxeador da noite em Miami, mostrando experiência e agressividade. Provável titular da seleção brasileira na categoria até 81kg, substituindo Yamaguchi Falcão, Michael Borges, de apenas 22 anos, perdeu na estreia para o argelino Abdelhafid Benchabla, um veterano na WSB. Michel luta pelo time norte-americano.

Pela segunda rodada, em novembro, Patrick Lourenço (até 49kg) já havia lutado pelo Argentina Condors e perdido para Anthony Chacon, do time dos Estados Unidos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.