Sem Henrique, Mouche aparece como melhor opção no Palmeiras
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sem Henrique, Mouche aparece como melhor opção no Palmeiras

Daniel Batista

29 de outubro de 2014 | 15h08

Se hoje existe um jogador do Palmeiras insubstituível, esse é Henrique. Não que ele seja o novo Romário, Ronaldo ou Careca. Longe disso. Mas ele sabe fazer gols e tem demonstrado isso no Campeonato Brasileiro e diante das opções do técnico Dorival Júnior, se torna ainda mais importante para a equipe alviverde na partida contra o Bahia.

Mas o Palmeiras terá que aprender a sobreviver sem ele. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o atacante dará oportunidade de Marcelo Moreno se aproximar dele na artilharia do campeonato. Henrique tem 15 gols e Marcelo Moreno 13. Para se ter uma ideia do que representa Henrique, o time todo do Palmeiras fez 31 gols. Ou seja, ele sozinho fez quase metade dos gols da equipe.

O curioso é que Henrique é o artilheiro do time com 15 gols  e na vice-artilharia aparecem quatro jogadores com apenas dois gols marcados: Lúcio, Wesley, Cristaldo e Mouche, que é quem deve ocupar a vaga e também aparece como melhor opção.

O argentino tem entrado bem durante as partidas, faz gols e mostra confiança. Cristaldo viveu um bom momento, mas parece ter perdido espaço com o treinador. Outras opções seriam Diogo e Leandro, dois que também não gozam de muito prestígio, principalmente Leandro, que vive um momento muito ruim.

A partir desta quinta-feira, Dorival começa a montar o time e tudo deve ficar mais claro. Mas essa é uma grande oportunidade do treinador mostrar que confia em Mouche.
mouche_palmeiras_alex_silva_estadao

Tudo o que sabemos sobre:

BrasileirãoPalmeiras

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.