As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Paixão argentina

Luiz Prosperi

09 de dezembro de 2010 | 12h21

Impressionante a comunhão de lágrimas ao final da decisão da Copa Sul-Americana. Os torcedores do Independiente, um clube que tenta ressurgir na própria Argentina, choraram à beça. Os jogadores também antes e depois de levantarem a taça. Uma demonstração de amor ao clube.

O exemplo de entrega da torcida ao Independiente deveria ser seguido pelos torcedores brasileiros. E a paixão dos jogadores argentinos pelo clube também deveria se repetir entre os atletas do Brasil. Aqui ainda prevalece a força da grana.

Aquele mar de lágrimas no Avelleneda após a vitória do Independiente no pênaltis em cima do valente Goiás é a prova viva de que o futebol também de faz de paixão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.