Cigano vence Frank Mir e mantém o título dos pesados no UFC

fabiolopes

26 de maio de 2012 | 19h41

Texto atualizado à 0h57

Junior Cigano fez o que prometeu. Com golpes fortes, o brasileiro venceu por nocaute Frank Mir no segundo round da luta principal do UFC 146, mantendo o título dos pesados no principal evento de MMA do mundo.

O combate aconteceu em Las Vegas, nos Estado Unidos, na madrugada deste domingo (27/05). Entre os outros quatro brasileiros que participaram do UFC 146, apenas Glover Teixeira saiu do octógono vitorioso. Diego Brandão, Edson Barboza e Antônio Pezão perderam.

ciganovitoria_reproducao.jpg
Cigano derrotou Mir por nocaute no segundo round – Reprodução

Junior Cigano X Frank Mir

Após a troca de farpas entre os dois lutadores antes da luta, Júnior Cigano entrou para o combate pronto para vingar seu mestre Rogério Minotauro, que teve o braço quebrado por Frank Mir.

Desde o início, o brasileiro demonstrou tranquilidade, dominando as ações. Ligado no combate, Cigano defendeu uma queda no primeiro minuto e seguiu acertando golpes fortes e rápidos na linha de cintura e no rosto do adversário.

A luta quase acabou no primeiro round, com uma bela sequência do brasileiro. No retorno do confronto, Cigano seguiu com a mesma estratégia. Paciente, ele encontrou o momento certo para desferir o golpe em Frank Mir. No chão e sem reação, o americano ainda foi punido por mais alguns segundos até o juiz parar a luta. Essa foi a primeira defesa de título de Cigano.

Cain Velasquez X Antônio Pezão

Na segunda luta principal do UFC 146, Antônio Pezão não resistiu a fúria de Cain Velasquez e perdeu em sua estreia no evento, em Las Vegas, nos Estados Unidos. O brasileiro foi derrubado logo no segundo minuto do combate. No chão, o americano acertou boa cotovelada.

Com muito sangue escorrendo no rosto de Pezão, o juiz precisou interromper o combate para o atendimento médico. A luta recomeçou, mas o brasileiro sem conseguir ver direito praticamente não se defendia. O castigo continuou e o juiz finalizou a luta

Roy Nelson X Dave Herman

Com apenas um golpe de direita, o gordinho Roy Nelson derrotou por nocaute Dave Herman no início do primeiro round da terceira luta do evento principal do UFC 146. O combate começou com os dois lutadores se estudando. Roy Nelson recebeu alguns golpes antes de acertar com força Dave Herman e confirmar a vitória, para delírio do público.

Stipe Miocic X Shane Del Rosario

O combate começou bem equilibrado, mas Shane Del Rosario cansou, demonstrou conhecer pouco de luta de solo e não resistiu no segundo round os fortes socos e cotoveladas de Stipe Miocic.

Na segunda luta do evento principal do UFC 146, em Las Vegas, o peso pesado Shane Del Rosario ficou totalmente submisso aos golpes de Stipe Miocic no chão. Com isso, o juiz teve que interromper o combate.

Stefan Struve X Lavar Johnson

Não deu nem para esquentar a primeira luta do evento principal do UFC 146 formado só por pesos pesados. O gigante Stefan Struve puxou o americano Lavar Johnson para a guarda e finalizou o combate com uma chave de braço no início do primeiro round.

Darren Elkins X Diego Brandão

O combate começou bom, mas terminou mau para Diego Brandão, que perdeu para Darren Elkins na decisão unanime dos juízes, no UFC 146.

Acostumado a vencer seus combates por nocaute logo no início, o brasileiro que luta na categoria pena dominou o primeiro round, acertando golpes fortes, principalmente cotoveladas e joelhadas. Entretanto, no segundo assalto, Diego escorregou ao arriscar um chute alto e foi castigado no chão.

No último round, aparentemente muito cansado, o brasileiro foi derrubado novamente. Mesmo conseguindo reverter a posição no final e acertar alguns socos fortes, isso não foi suficiente para vencer.

Jamie Varner X Edson Barboza

Segundo brasileiro a lutar no UFC 146, Edson Barboza não teve um final feliz. Na categoria dos leves, o brasileiro entrou confiante, aplicando chutes altos, mas foi derrubado com facilidade por Jamie Varner.

O americano se defendeu bem e conseguiu acertar um bom golpe em Barboza, que sentiu a mão pesada de Varner e, no chão, foi castigado até o juiz interromper o combate faltando 1min38 para o final do primeiro round.

C.B. Dollaway X Jason Miller

Apesar de acertar dois bons golpes de direita e aguentar bem o castigo, Jason Miller não passou de suas provocações típicas no confronto contra C.B. Dollaway, pelos médios, no UFC 146. Dollaway dominou totalmente os três rounds, com ótimas quedas e até mesmo montando no adversário, e venceu o combate por unanimidade. 

Dan Hardy X Duane Ludwig

Dan Hardy travou um combate emocionante e surpreendente contra Duane Ludwig no peso meio-médio. O queridinho do público começou mal no combate, principalmente por causa das joelhadas fortes do seu adversário. Entretanto, Hardy com sua esquerda forte derrubou Ludwig e só precisou aplicar mais alguns golpes no chão até o juiz interromper o combate no primeiro round.

Paul Sass X Jacob Volkmann

Em outra luta decidida no início do primeiro round, Paul Sass finalizou Jacob Volkmann com um triângulo em 1min50, na categoria leve, no terceiro combate do UFC 146, em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Glover Teixeira X Kyle Kingsbury

O Brasil começou bem no UFC 146. Em sua estreia no principal evento de MMA, Glover Teixeira não deu chances para Kyle Kingsbury. O brasileiro começou em um ritmo intenso o combate. Após aplicar bom upper, derrubou o adversário e finalizou com um katagatame, vencendo rapidamente a luta.

Mike Brown X Daniel Pineda

Na primeira luta da noite do UFC 146, Mike Brown venceu por decisão unânime dos juízes Daniel Pineda,entre os penas, categoria dominada pelo brasileiro José Aldo.

O primeiro round começou muito estudado. Melhor na trocação, Daniel Pineda encaixou uma boa sequência de golpes, mas Mike Brown conseguiu colocar o adversário no solo. Entretanto, o sufoco demorou pouco. Pineda reverteu a posição, golpeou e levantou. No final Mike Brown conseguiu derrubar novamente Pineda, caindo na meia-guarda, porém não deu mais tempo para nada.

O segundo round seguiu bem movimentado e equilibrado. Entretanto, com bons golpes principalmente na linha da cintura, Mike Brown dominou o combate, tanto na trocação quanto no chão.

No último round, Mike Brown seguiu dominando o combate. No minuto final, Pineda escapou e foi para as costas, castigando o adversário com bons socos e cotoveladas. Mesmo assim, não foi suficiente para convencer os juízes.

Evento principal

Junior Cigano X Frank Mir (pesado)
Cain Velasquez X Antônio Pezão (pesado)
– Dave Herman X Roy Nelson (pesado)
– Shane Del Rosario X Stipe Miocic (pesado)
– Lavar Johnson X Stefan Struve (pesado)

Lutas preliminares

Darren Elkins X Diego Brandão (pena)
– Edson Barboza X Jamie Varner (leve)
– Jason Miller X C.B. Dollaway (médio)
Dan Hardy X Duane Ludwig (meio-médio)
– Jacob Volkmann X Paul Sass (leve)
– Kyle Kingsbury X Glover Teixeira (meio-pesado)
Mike Brown X Daniel Pineda (pena)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.