Georges St-Pierre demonstra por que é um grande campeão

fabiolopes

18 de novembro de 2012 | 13h28

Superação é a palavra que acompanha todos os grandes campeões. E com Georges St-Pierre a situação não é diferente. Após ficar 19 meses afastado dos octógonos por causa de uma cirurgia no joelho, o detentor do título dos meio médios enfrentou Carlos Condit no UFC 154, em Montreal, no Canadá.

georges_ap.jpg

St-Pierre aparentou estar com saudade do octógono, já que tomou a iniciativa do combate, demonstrando muita agressividade.

Entretanto, a luta não foi nem um pouco fácil, já que Condit vinha embalado de cinco vitórias consecutivas. Apesar de dominar a maioria das ações, explorando as quedas e o ground and pound, St-Pierre foi surpreendido com um chute alto no terceiro round e sofreu um knockdown. Mas ele conseguiu se recuperar e assumir o comando das ações.

No final, vitória do campeão e unificação dos títulos dos meio médios. Agora, St-Pierre soma dez vitórias consecutivas no UFC e demonstra por que é um dos grandes nomes do esporte.

Com o retorno em grande estilo de St-Pierre, a questão que fica na cabeça do público é se realmente Dana White conseguirá casar a luta do canadense contra Anderson Silva. Na plateia, o brasileiro só observou o combate. Educado como sempre, St-Pierre evitou falar de um futuro confronto, preferindo destacar as qualidades de Condit. 

Pelo histórico dos dois lutadores, esse é um confronto muito esperado. Além disso, Anderson Silva fará melhor negócio duelando contra St-Pierre, que já sofreu uma grave lesão, do que com Jon Jones, que é de uma categoria de peso superior, está em ótima fase e é mais novo.

Tudo o que sabemos sobre:

ConditDana WhiteSt-PierreUFC

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.