Como o seu time pode obter o direito de disputar a Libertadores da América?

Como o seu time pode obter o direito de disputar a Libertadores da América?

As regras são da Conmebol e podem mudar se a competição continental crescer e aumentar o número de participantes

Robson Morelli

20 de novembro de 2019 | 21h14

Regras da Conmebol… As regras definidas pela Conmebol para definir os clubes participantes da Libertadores da América são simples, principalmente no caso do futebol brasileiro. Há três caminhos para conseguir um lugar. A quantidade de vaga pode variar dependendo do resultado final do Campeonato Brasileiro, que geralmente encerra a temporada no País. As regras também podem ser mudadas caso a competição cresça.

Caminho pela Libertadores… O primeiro caminho e o mais simples deles é ganhar a Libertadores. O time campeão tem direito automático de defender o título no ano seguinte. É o caso de Flamengo ou River. O vencedor da decisão deste ano estará classificado para a fase de grupos de 2020. O segundo colocado não tem esse direito.

Caminho pela Copa do Brasil… O segundo caminho é ganhar a Copa do Brasil. Neste ano, a vaga ficou com o Athletico-PR.

Caminho pelo Brasileirão… Há ainda o terceiro caminho, e mais longo de todos, pelo Campeonato Brasileiro. A Conmebol estipula que os quatro primeiros classificados têm o direito de entrar diretamente na fase de grupos da Libertadores do ano subsequente. O 5º e o 6º colocados ganham o direito de disputar a pré-Libertadores. Se eles passarem diante de rivais sul-americanos, estarão classificados. Se perderem, em jogos de mata-mata, estarão eliminados.

Oito vagas… Portanto, o Brasil tem 8 vagas na Libertadores. Quatro diretas pelo Brasileirão, duas para a pré-Libertadores também vindas do Campeonato Brasileiro, uma da própria Libertadores e outra da Copa do Brasil.

Beneficiados… Ocorre que, dependendo da classificação final do Campeonato Brasileiro, o G-6 pode virar G-7 e até G-8. Isso vai acontecer se um dos seis primeiros colocados também ganhar a Libertadores ou a Copa do Brasil. É exatamente esse cenário que a competição vive neste momento, após 33 rodadas. Se o Flamengo ganhar do River Plate na decisão deste sábado, ele ganha o direito de disputar a Libertadores de 2020 e abre vaga para um sétimo time na classificação do Campeonato Brasileiro por ocupa a liderança do torneio. Da mesma forma, se o Athletico-PR terminar a competição nacional entre os seis primeiros, como está agora, ele abre vaga para um oitavo clube.

Definidos… Assim, o G-6 vai virar G-8.

Tendências: