Dirigentes da Portuguesa explicam em vídeo o processo de pagamento de suas dívidas trabalhistas

Dirigentes da Portuguesa explicam em vídeo o processo de pagamento de suas dívidas trabalhistas

Clube ainda faz um chamamento para que os credores e colaboradores batam à porta da Lusa para negociar suas pendências

Robson Morelli

11 de maio de 2021 | 11h40

Dirigentes da Portuguesa produziram um vídeo para chamar credores e colaboradores do clube para acertar suas dívidas trabalhistas. O clube explica as metodologias desta ação e informa como está sendo feito o pagamento desses profissionais que serviram ao clube do Canindé nos últimos anos. A Lusa tem apoio da Justiça do Trabalho para fazer a programação de suas dívidas trabalhistas. Havia penhoras em alguns processos. O passivo trabalhista sempre atrapalhou o andamento do clube, principalmente no futebol.

Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Todos os processos trabalhistas estão sendo tocados numa única instituição do Trabalho. Isso permite afirmar que a Lusa não será pega de surpresa com ações nas Varas Trabalhistas de São Paulo. Quer eliminar boa parte desse passivo, até zerar suas dívidas. Vai tentar negociar outros passivos, como o tributário, por exemplo.

A Portuguesa tenta se reerguer. Ela promete destinar R$ 250 mil todos os meses para amortizar suas dívidas. Dá prioridade aos processos de valores menores, de modo a conseguir quitar primeiramente as pequenas pendências. Desse modo, o clube não terá mais penhoras de caixa. Pode trabalhar com mais tranquilidade e com uma visão do que está acontecendo no clube nesse sentido. Ela viu o tamanho do problema e trabalha em cima dele. Os R$ 250 mil equivalem a um terço do que a Portuguesa recebe mensalmente. Clube também faz convite a empresários que queiram ajudar a resgatar o clube em São Paulo. A Lusa disputa a Série A2 do Paulista.

Tudo o que sabemos sobre:

futebolPortuguesaLusa

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.