Esperamos 15 rodadas para ver os quatro grandes de São Paulo classificados

O Palmeiras o o único que teve seu destino decidido na última jornada. Jogos serão único e eliminatórios. Em caso de empate, pênaltis

Robson Morelli

10 de abril de 2016 | 21h43

Depois de 15 rodadas da fase de grupos, em que os grandes de São Paulo se valeram de formações mistas em boa parte da disputa, com a cabeça na Libertadores, exceto o Santos, o Paulistão chega à etapa mais emocionante e decisiva do torneio, com confrontos eliminatórios e únicos, conforme reza o regulamento. Ganhou avança. Perdeu cai fora. A fase de quartas de final do Estadual terá os quatro principais times do Estado: Corinthians, Santos, São Paulo e Palmeiras, com rivais que prometem vender caro o resultado nos próximos 90 minutos. O Osasco Audax, por exemplo, ficou na frente do rival do Morumbi, o que teoricamente lhe dá a condição de favorito. Santos e São Bento medirão forças na Vila porque a equipe da Baixada fez melhor campanha. Os clubes mais bem colocados na chave ganham o direito de mandar a partida ou, se preferir, vender o mando para arrecadar mais dinheiro.

Dono da melhor campanha da fase classificatória, o Corinthians fará do Itaquerão um inferno para o jogo contra o Red Bull. Tem sido assim nas partidas em sua casa, com boa presença de público e futebol quase imbatível diante dos rivais.

Coube ao Palmeiras as últimas emoções para saber se o time confirmaria sua vaga entre os oito classificados do Estadual. Dos grandes, foi o único que entrou na última jornada sem saber seu destino. Como a chave sempre se mostrou equilibrada, qualquer um dos cinco representantes (Palmeiras, São Bernardo, Ponte Preta, Novorizontino e Ituano) poderia ficar com as duas vagas do grupo. Mas com a vitória sobre o Mogi por 2 a 1, o Palmeiras terminou na ponta, com 24 pontos, e se garantiu. Vai enfrentar o São Bernardo, segundo do seu grupo – por alguns momentos a Ponte Preta ocupou este lugar.

A Federação Paulista de Futebol decide nesta segunda, em reunião arbitral em sua sede dias, locais e horários dos jogos das quartas.

Vale lembrar que a Secretaria de Segurança Pública determinou semana passada que os clássicos em São Paulo terão torcida única até o fim do ano. A Polícia Militar também deve vetar que Corinthians, São Paulo e Palmeiras atuem no mesmo dia na capital. Os confrontos estão marcados para o próximo fim de semana. Se houver empate nos 90 minutos, a decisão será nos pênaltis.

Rebaixados.
A rodada definiu os seis que disputarão a A-2 do Paulista em 2017: Água Santa, Mogi Mirim, XV de Piracicaba, Oeste, Capivariano e Rio Claro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.