Felipão vai ser importante para o Palmeiras e o Palmeiras será importante para Felipão

Treinador assume posto que era de Roger Machado, demitido na quarta-feira

Robson Morelli

26 de julho de 2018 | 21h58

A volta de Felipão ao Palmeiras tem muitos significados. Um deles diz respeito aos dois personagens, o treinador e o clube. Ambos devem tirar proveito dessa nova parceria, a terceira. O Palmeiras precisa de um treinador capaz de levar o time às alturas, lugar que nunca esteve recentemente, mesmo a despeito de algumas conquistas. O Palmeiras, com a dinheirama que tem e o estádio novo em folha, precisa ser maior do que é, hoje um time comum como tantos outros no Campeonato Brasileiro.

Daí a importância para o clube ter um técnico mais experiente, que já se provou vencedor. Havia outros no caminho do Palmeiras, como Abel Braga e Vanderlei Luxemburgo, que também poderiam dar esse voo mais alto do time de Palestra Itália. Quis a diretoria, incompetente até agora, apostar na volta de Luiz Felipe Scolari, o mesmo que estava à frente da equipe na única conquista da Libertadores da América, em 1999, e também da perda do Mundial de Clubes da Fifa, no mesmo ano, frente ao Manchester United.

Se Felipão será importante para o Palmeiras, o Palmeiras, da mesma forma, também será importante para Felipão. O treinador vai se provar vencedor mais uma vez no País. Já ergueu sete títulos na China ou mais. Mas faltava o resgate no futebol brasileiro, que tanto fez crescer e que tanto gosta. Deixar Felipão por aí era um desperdício. Mas Felipão desperta sentimentos contrastantes no torcedor brasileiro. Foi campeão do mundo em 2002, nossa última conquista em Copas do Mundo, e perdeu em 2014, naquela derrota para a Alemanha, história que terá de aceitar e com a qual terá de conviver para o resto da vida, mas que não o faz menor em momento algum. Felipão tem nesta sua terceira passagem pelo Palmeiras uma nova chance de reescrever a história do clube e sua próprio. O futebol propicia oportunidades. Uma união que já deu certo. É isso que o torcedor espera, uma nova cartada do velho e bom Felipão.

O Palmeiras tem o Campeonato Brasileiro, a Copa do Brasil e a Libertadores pelo caminho.

Tudo o que sabemos sobre:

futebolpalmeirasFelipão

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: