Hora do show! O basquete tem essa característica nos Jogos Olímpicos por causa das estrelas que atuam na NBA e do time dos EUA

Hora do show! O basquete tem essa característica nos Jogos Olímpicos por causa das estrelas que atuam na NBA e do time dos EUA

Conheça um pouco mais da modalidade que encanta e tem adeptos no mundo todo. Esse infográfico foi feito para a Olimpíada do Rio e estava sendo revisado. É bastante didático

Robson Morelli

21 de maio de 2020 | 18h02

O basquete olímpico sempre leva muito público para as arenas. É uma das principais modalidades dos Jogos por ser também um dos esportes mais acompanhados no mundo. Isso, claro, tem muito a ver com a tradição, mas também com os craques da NBA, o basquete norte-americano. Os Estados Unidos são sempre cotados para ficar com o ouro olímpico. E tem sido assim. De Barcelona-1992 até o Rio-2016, os americanos são não ficaram com o ouro nos Jogos de Atenas-2004. Quem ganhou foi a Argentina.

O basquete é um esporte popular. No Brasil, perdeu posição para o vôlei, mas sempre teve muitos adeptos. O Brasil tenta melhorar e desenvolver a modalidade. O Estadão, por exemplo, tem um programa semanal nas redes sociais sobre o tema conduzido pelo editor Marcius Azevedo, o Cesta no Estadão. O blog mostra as regras e o posicionamento do jogo em um infográfico feito para a Olimpíada do Rio, em 2016, que estava sendo revisado para Tóquio-2020, que agora será em 2021. São informações didáticas sobre a modalidade.
CONHEÇA AS REGRAS DO BASQUETE OLÍMPICO  

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: