Leonardo prepara o caminho da volta

Robson Morelli

30 de agosto de 2009 | 22h26

Um ex-jogador me contou que Leonardo corre riscos no comando do Milan. Não será demitido na próxima rodada, mas a derrota por 4 a 0 para a Internazionale pegou muito mal. Disse mais. Disse que Leonardo não tem o grupo nas mãos por ter começado duro demais com os atletas quando deixou de ser jogador e passou a responder diretamente para Silvio Belusconi. Ocorre que se não der certo no comando técnico do time, esse mesmo ex-jogador diz que Leonardo volta para o Brasil com uma mão na frente outra atrás. Léo sempre foi o contato do Milan com o futebol brasileiro, hoje cheio de vias para negociações. Os italianos também aprenderam a negociar com os clubes pelas bandas de cá e isso tornou o trabalho de Leonardo desnecessário.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.