Não há treinador melhor do que Carille para o Corinthians neste momento do Brasileirão 2019

Técnico é cobrado pelo que disse e não conseguiu cumprir antes da parada por causa da Copa América, mas ele sabe o que está fazendo

Robson Morelli

14 de julho de 2019 | 19h40

No pé de Carille… Faz três semanas que Carille é cobrado pelo que disse antes da parada do Campeonato Brasileiro. Mas o Corinthians não voltou após a Copa América do jeito que o treinador imaginava. Foram 21 dias de trabalho com o elenco quase sempre incompleto, de acordo com o próprio Carille. E o time está igualzinho como antes, sem poder de fogo e cauteloso demais diante de rivais mais fracos, como se viu na vitória de 1 a 0 sobre o CSA, neste domingo, em Itaquera. E carente de meias articuladores, aqueles que fazem a bola rodar e o rival correr atrás.

FOTO: JF DIORIO/ESTADÃO

Elenco intermediário… Fagner ainda é a melhor opção de ataque pela direita e agora Gil dará mais solidez ao setor defensivo, que não era o maior problema do Corinthians nas primeiras nove rodadas. Ora, Carille sabe o elenco que tem nas mãos e já provou que conhece do riscado. Ele sabe exatamente o que esse time pode lhe oferecer. E não é muito.

A vida será dura… O Corinthians tem dificuldade diante de oponentes que não atacam, como foi diante do CSA em Itaquera. Pode crescer nos clássicos de São Paulo pela tradição de sua camisa, mas não terá vida fácil diante de adversários grandes dos outros Estados.

Não há técnico melhor… O que Carille pensou não se confirmou. Os reforços não vieram, não há dinheiro para contratações de impacto e o treinador terá de se virar com o elenco que tem. Ocorre que Carille anda sendo colocado contra a parede pelo que disse lá atrás, mas não vejo no mercado técnico melhor para o Corinthians. Qualquer um sofrerá com esse time. Então, me parece que Carille continua sendo a melhor opção. Mesmo sofrendo para ganhar, o Corinthians é mais forte com ele do que sem ele. A diretoria sabe disso. O torcedor também. Ele vai continuar tentando encaixar uma formação, de modo a sofrer menos no restante do Campeonato Brasileiro.

Tudo o que sabemos sobre:

futebolCorinthiansFábio Carille

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: