Não se pode duvidar do Corinthians, ouço isso desde pequeno

Não se pode duvidar do Corinthians, ouço isso desde pequeno

Time supera momento ruim e passa por cima do Flamengo para chegar à final da Copa do Brasil

Robson Morelli

27 Setembro 2018 | 11h24

Algumas coisas nunca mudam no futebol. A fé de alguns times tidos como “de chegada” é uma delas. Desde pequeno ouço que não se deve deixar o Corinthians chegar. A equipe de Parque São Jorge provou isso na decisão com o Flamengo, semifinal da Copa do Brasil. Ganhou de 2 a 1 em casa após empate no Maracanã. Para essa partida, o clube levou mais de 80 mil ao estádio. Sim, foram 44 mil na partida e 38 mil no último treino antes do jogo. Isso não é para qualquer um. Então, é preciso tirar o chapéu para esse Corinthians que caía pelas tabelas.

Segunda partida da semifinal na arena Corinthians contra o Fla: comemoração de Pedrinho FOTO ALEX SILVA

E nesta classificação, méritos totais do técnico e dos jogadores. Jair Ventura, em um mês, fez a leitura do elenco que tinha nas mãos e fez desse grupo um time para jogar e ganhar. Coisa que Osmar Loss não conseguiu. É bem verdade que ser torcedor do Flamengo tem sido uma barra. O time é bom no papel, mas não é competitivo em campo. Fracassou novamente. O flamenguista não suporta mais ver o time bater na trave.

O fato é que o Corinthians renasce das cinzas após o desmanche que sofreu com a saída de alguns jogadores. Não sei se tem condições de superar o Cruzeiro, que desbancou o Palmeiras na outra semifinal, mas uma coisa é certa: não duvidem do Corinthians. Nunca.