Pato, focado, vai enterrando a fama ruim que ele mesmo ajudou a construir na carreira

Pato, focado, vai enterrando a fama ruim que ele mesmo ajudou a construir na carreira

Atacante marca dois gols para o São Paulo na partida contra o Danubio, pela Libertadores da América

Robson Morelli

25 de fevereiro de 2015 | 23h30

PatoJosePatricioEstadao25022015_570

Pato não está para brincadeiras. Bem treinado, fisicamente inteiro, mas sobretudo focado na sua profissão, o atacante vai  desconstruindo a fama ruim que ajudou a construir da carreira, a de um jogador desinteressado, rico muito cedo e mais preocupado com as aventuras fora de campo do que dentro das quatro linhas. Contra o Danubio, foram dele dois gols da vitória do São Paulo. Mas não é só pelos gols da temporada. Pato parece um jogador concentrado na sua função. Melhorou até em suas declarações.

Isso tem a ver com a fase da carreira e da vida. Mais maduro, Pato percebeu e entendeu como era visto no futebol. Embora ninguém discutisse sua qualidade técnica, Pato sempre pareceu noutras. Pode até ser que continue o mesmo fora de campo (ele tem esse direito), mas agora joga e treina muito mais que antes. Há sim uma mudança de postura. Isso pode estar diretamente relacionado com o fim do seu contrato com o São Paulo.

O jogador está emprestado pelo Corinthians, com quem tem mais um ano de acordo. Com o clube do Morumbi, seu vínculo vai até o fim de 2015. Depois, se o São Paulo não tiver os 15 milhões de euros (R$ 48 milhões), Pato terá de voltar para o Corinthians. Esse valor cairá para 10 milhões de euros (R$ 30 milhões) em dezembro. Muito provavelmente ele não jogará pelo time do Parque São Jorge, e aí precisa estar bem para ser negociado, ou no Brasil ou no Exterior. Talvez possa voltar para a Itália, para o Milan.

Então, essa temporada é decisiva para o atacante. Até agora, ele demonstra muita vontade de permanecer no São Paulo, onde se reencontrou, mesmo sabendo que o clube terá de desembolsar muito dinheiro para ficar com seu contrato em definitivo. Hoje, o São Paulo não tem esse montante.

Tudo o que sabemos sobre:

Pato; São Paulo FC; Copa Libertadores

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: