As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Confiantes, colombianos celebram James e não temem Brasil nas quartas

Seleção Universitária

28 de junho de 2014 | 20h38

Seleção de José Péckerman despachou Uruguai neste sábado, 28, no Maracanã

Lara Monsores – especial para O Estado de S. Paulo

RIO DE JANEIRO – Com uma atuação espetacular de James Rodrígues, autor de dois gols, a Colômbia derrotou o Uruguai por 2 a 0 neste sábado, 28, no Maracanã e será o adversário do Brasil nas quartas-de-final da Copa do Mundo, no dia 4 de julho, em Fortaleza. Pela primeira vez na história, a seleção, hoje comandada por José Péckerman, chega a essa fase do torneio.

E o bom futebol apresentado até agora tem deixado os colombianos bastante confiantes. “Pelo que vimos hoje nos dois jogos, acredito que podemos vencer o Brasil”, disse o jornalista colombiano Alejandro Herrera, 22, que assistiu à partida na arena Fifa Fan Fest, em Copacabana, no Rio. “Nosso trunfo é James que, a meu ver, é um dos postulantes a craque da Copa. Ele é inteligente e maduro, apesar de só ter 22 anos, e é quem carrega o time nas costas”, avalia.

Confiando no talento do jovem meia do Monaco, da França, os colombianos esperam ansiosos pelo duelo contra o Brasil. “Precisamos ter cabeça e encarar cada partida como uma luta”, diz Andrés Díaz, 30, de Bogotá. “Estamos muito orgulhosos, temos uma boa equipe e acredito que passaremos pelo Brasil”, completou seu conterrâneo Rogelio Gil, 32. Quando perguntado sobre o que mais teme no Brasil, ele foi irônico: “as favelas.”

Briga. Durante Uruguai x Colômbia, torcedores dos dois países que assistiam à partida no local entraram em confronto, provocando um tumulto generalizado e muita correria nas proximidades do palco do evento. A confusão foi contida pelos seguranças da Fan Fest. Não houve registro de feridos e ninguém chegou a ser detido ou expulso da festa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.