As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Esquema de segurança e mobilidade será o mesmo para o jogo do Brasil

PM manterá efetivo dos jogos da primeira fase; BHTrans reforça que transportes públicos são os melhores meios para chegar ao Mineirão

Seleção Universitária

25 de junho de 2014 | 15h37

PM manterá efetivo dos jogos da primeira fase; BHTrans reforça que transportes públicos são os melhores meios para chegar ao Mineirão

 

Gabriel Gama – especial para O Estado de S. Paulo

BELO HORIZONTE – Apesar de ser um jogo da seleção canarinho – a primeira realizada nesta Copa, no Mineirão –, a segurança e a mobilidade não terão esquemas especiais para a partida do próximo sábado, 28, que acontecerá às 13h, contra o Chile, válido pelas oitavas de finais.

Com relação à segurança, a Polícia Militar de Minas Gerais garante que o efetivo que vem atuando na cidade durante o torneio é suficiente para inibir confusões, transtornos, brigas e a ação de vândalos em manifestações.

A BHTrans também manterá o plano de mobilidade já realizado nas três primeiras partidas no estádio. Os meios de transporte público – ônibus do Expresso Copa e o BRT/Move – são as principais vias de acesso. Quanto ao comércio de rua e as lojas dos shoppings centers, já foram definidos os horários de funcionamento.

Mobilidade. Segundo informações da BHTrans, o esquema de transporte não sofrerá nenhuma alteração especialmente para o jogo de sábado. Os horários de saída dos 400 ônibus do Expresso Copa nos cinco pontos (Savassi, Centro, Expominas, Minas Shopping e aeroporto de Confins) serão mantidos. O embarque de ida começará cinco horas antes do início da partida e o de volta ficará disponível até duas horas depois do fim do jogo.

Quem optar pelo BRT/Move, que liga a área central da capital mineira à Estação Pampulha, poderá parar nas Estações de Transferência UFMG e Mineirão, através das linhas 50, 51 e 52. Os torcedores também terão o serviço regular de transporte coletivo, utilizando linhas que passam pela região. Táxis ficarão disponíveis na avenida Otacílio Negrão de Lima, em frente ao Iate, e na Avenida Carlos Luz, em frente à Usiminas.

A Secretaria de Transportes reafirmou que é melhor os torcedores utilizarem os transportes públicos ao invés de carros particulares. Quem optar por ir de veículo, terá que estacionar a cinco quilômetros de distância do Mineirão, enquanto os pontos de desembarque do BRT/Move e dos ônibus do Expresso Copa deixam os passageiros a dois quilômetros.

Segurança. De acordo com a assessoria da Polícia Militar de Minas Gerais, não há razão para aumentar o efetivo de 13 mil agentes que vem trabalhando na Copa do Mundo. O que será feito de diferente para o jogo, entre Brasil e Chile, no sábado, é um reforço de policiais em áreas de maior risco de confusão ou de manifestações, como o entorno e dentro do Mineirão, as principais praças de BH, hotéis que estão recebendo seleções, centros de treinamentos e pontos turísticos como Mercado Central e a Lagoa da Pampulha.

O efetivo da PM do Estado compõe de 3 mil policiais do Batalhão Copa, outros 3 mil do Comando de Policiamento Especializado e mais 6 mil do Comando de Policiamento da Capital.

Comércio. Para o jogo de sábado, o comércio de rua funcionará das 8h30 às 11h45 e os shoppings centers das 10h às 12h e das 16h às 22h. Os horários foram definidos pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.