Plano de mobilidade para a Copa é divulgado no DF
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Plano de mobilidade para a Copa é divulgado no DF

Seleção Universitária

30 de maio de 2014 | 17h12

Vias que passam pelo estádio serão interditadas em dias de jogos na capital

 

Centro de Mobilidade em Brasília (Divulgação)

 

Jorge Macedo – especial para O Estado de S. Paulo

BRASÍLIA – O Governo do Distrito Federal (GDF) anunciou como será o esquema especial montado para os dias de jogos da Copa do Mundo no Mané Garrincha. O perímetro de segurança ao redor do estádio vai da via N1, após a saída da rodoviária, até a altura do Palácio do Buriti, sede do governo local. Durante as partidas, a pista será fechada seis horas antes do jogo e liberada três horas após o fim.

O estádio Mané Garrincha abrigará sete jogos do torneio, número máximo permitido pela Fifa. Os duelos na capital serão realizados em dois horários: 13h e 17h. Nos dias de confrontos às 13h, as vias de acesso ao local serão interditadas às 7h e liberadas às 18h. Já nos jogos às 17h, a intervenção inicia-se às 7h e vai até as 20h. A pista que liga a rodoviária até a Esplanada dos Ministérios não sofrerá interdição em nenhum dia da Copa.

Além da intervenção no estádio, os setores hoteleiros sul e norte, o Aeroporto JK, a Rodoviária do Plano Piloto, a Fifa Fan Fest e pontos turísticos da cidade serão alvo de vigilância 24 horas por dia pela polícia. A coordenação de todas essas áreas ficará sob responsabilidade do Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), instalado na sede da Secretaria de Segurança Pública do DF.

O centro entrou em funcionamento desde a última sexta-feira, 23, e conta com 55 telões de 55 polegadas cada, conectados a 164 câmeras distribuídas por todo o DF. Ao todo, foram investidos R$ 160 milhões no CICCR. Como complemento ao plano de mobilidade urbana, o GDF decretou ponto facultativo em 23, 26 e 30 de junho, dias úteis de jogos da Copa em Brasília. O plano operacional de segurança para o mundial seguirá até 18 de julho, cinco dias após a final.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.