“Presidente Vargas estará pronto para receber a seleção”, garante Secretário
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

“Presidente Vargas estará pronto para receber a seleção”, garante Secretário

Tobias Saldanha

14 de junho de 2013 | 21h49

Faltando três dias para receber a Seleção Brasileira, o estádio Presidente Vargas recebe os últimos ajustes para receber os comandados de Felipão

Tobias Saldanha/Seleção Universitária – Especial para O Estado

FORTALEZA – Há menos de um dia para o pontapé inicial da Copa das Confederações 2013, o secretário de esportes e lazer (Secel) Márcio Lopes, garante que o Estádio Presidente Vargas estará pronto para receber o Brasil na próxima segunda-feira.

“todas as exigências feitas pela FIFA e CBF foram atendidas”.

Segundo o secretário, a principal reivindicação da Comissão Técnica brasileira e dos observadores da Fifa, foi a reforma e readequação do gramado do PV aos padrões da entidade (105 por 68 m).

Depois de consultas com especialistas no assunto, a  secretaria decidiu pela recuperação do gramado, apontada nos laudos como o melhor investimento a ser realizado no momento.

“tínhamos duas opções: recuperação ou reforma da grama. Optamos pela primeira, por ser mais rápida e barata”.

 

“Foram gastos 55 mil reais para a recuperação do gramado”, revela o Secretário (Tobias Saldanha/Seleção Universitária)

Para que a recuperação do gramado fosse feita dentro do prazo, o Estádio ficou fechado para reforma durante  2 meses (18 de março a 19 de maio), com exceção das três partidas realizadas nesse período envolvendo os clubes locais, Ceará e Fortaleza.

“Por causa do show do Paul Mccartney (show realizado no dia 9 de maio),  o Castelão ficou fechado durante 15 dias. Como o Campeonato Cearense estava na fase final, permitimos que os jogos dos clubes locais fossem realizados aqui enquanto o Castelão estivesse impossibilitado de receber partidas”, explicou.

Críticas à antiga gestão

Márcio, que é o atual responsável pela administração do Estádio, disse que o PV teve sua estrutura reformada e modernizada em 2011, mais revela que a gestão anterior esqueceu de preservar e manter palco principal, que é o gramado.

“Como estávamos num período pré-eleitoral, a antiga administração realizava todo tipo de jogos aqui, como torneio de bairros, associações, era uma bagunça”, desabafa.

Estrutura do Estádio

Inaugurado em 14 de setembro de 1941, o Estádio Presidente Vargas será o local de treinamento da Seleção Brasileira em Fortaleza. Com capacidade atual para receber 20.162 pessoas, o PV dispõe de  estrutura com (4) quatro vestiários, todos climatizados com ar-condicionado, sala de massagem e quadra de aquecimento. Há ainda sala antidoping e ambulatório com sala de curativos e de médicos.

Para a imprensa, estão disponíveis 11 cabines para as transmissões de rádios; três (3) cabines de TV; três (3) cabines específicas para as câmeras e uma cabine para o monitoramento do placar e de segurança; além de uma área com bancada para 30 profissionais da imprensa.

Há também uma sala de imprensa, com instalação para internet; além de um auditório de 59m² para coletivas de imprensa, com 54 cadeiras.

A seleção treinará no PV na próxima segunda-feira à tarde e na quinta de manhã. Em seguida, embarca direto a Salvador, onde o Brasil enfrentará a Itália no Sábado, às 16 horas, na Arena Fonte Nova, pela 3º rodada da primeira fase da Copa das Confederações.

Serão ao todo cinco dias em que a  seleção passará em Fortaleza.

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.