5ª feira excelente para o Brasil
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

5ª feira excelente para o Brasil

Quem entrou no mar avançou no QS 3 mil da Austrália

Thiago Blum

27 de fevereiro de 2020 | 13h56

Crosby Colapinto (EUA) – foto: Ethan Smith / WSL

Só homens ao mar.

E o QS 3000 de Avoca Beach acelerou nesta quinta-feira.

Dois rounds inteiros disputados.

E foram definidos as 16 baterias da 5ª fase do ‘Vissla Centarl Coast Pro’.

Dos 64 atletas que seguem no 10º evento do calendário da divisão de acesso da WSL, 4 são brasileiros.

Com um detalhe:

Todos que foram pra água hoje, avançaram.

Eduardo Motta e Wesley Santos estrearam na competição no round 3.

Wesley venceu sua disputa de 4 atletas com 11,77 no somatório.

Motta teve mais dificuldade. Passou em 2º, com virada na última onda.

Aí, ambos se encontraram na fase seguinte.

Wesley fez 15,14 e venceu de novo, com Eduardo em 2º na bateria, com 15,10.

E mais: deixando 2 australianos pelo caminho, um deles o badalado Kyuss King.

Matt Wilkinson (AUS) – foto: Ethan Smith / WSL

As médias do campeonato estão aumentando de acordo com a chegada dos principais ranqueados.

No embalo, Rafael Teixeira não eixou o nível verde e amarelo cair.

Começou a campanha com duas notas acima de 7 e um total de 15,03.

Os 3 se juntam a Alejo Muniz no round 5.

As melhores marcas do dia ficaram com o americano Crosby Colapinto – o irmão do Griffin.

Foi o único a fazer uma onda acima de 9 (9,20) e ainda fez a maior soma (16,53).

Ramzi Boukhiam foi outro destaque da quinta-feira em New South Wales.

O marroquino – campeão do 5 mil de Fernando de Noronha e atual número 2 da classificação geral do WQS – estreou sem sustos, vencendo sua bateria.

Shane Holmes (AUS) – foto: Ethan Smith / WSL

Confira como ficaram os confrontos que vão envolver os brazucas na sexta-feira:

heat 2: Alejo Muniz, Cooper Chapman (AUS), Kauli Vaast (TAH) e Ryland Rubens (EUA)

heat 11: Maxime Huscenot (FRA), Mitch Parkinson (AUS),  Ethan Stocks (AUS) e Eduardo Motta

heat 12: Jordan Lawler (AUS), Chris Zaffis (AUS), Wesley Santos e Te Kehukehu Butler (NZL)

heat 16: Nat Young (EUA), Koda Killorn (AUS), Rafael Teixeira e Jackson Baker (AUS)

O evento feminino volta nesta sexta, com as batalhas do round 3.

Morro Bay, na Califórnia, recebe a etapa 11 do calendário do WQS – foto: divulgação

Largada na Califórnia

Enquanto rola o 3 mil na Austrália, outra galera inicia a busca de pontos

O ‘SLO CAL Open’ – parada 11 da temporada – tem status 1000 e rola a partir de hoje em Morro Bay, no oeste dos Estados Unidos.

Uma avalanche de locais inscritos, mas a chave conta também com vários brasileiros.

Magno Pacheco, Davi Toledo (irmão de Filipinho), David do Carmo e Eric Bahia entram na água já no round 1.

Niccolas Padaratz (filho do Neco e sobrinho do Teco), Kj Norton, Pedro Todaro e Juliano Uzueli estreiam na segunda fase.

Namor Cayres, Uriel Sposaro e Julio Cardoso só caem na água no round 3.

Seguimos de olho em tudo!!!

por @thiago_blum

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: