As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Ericeira recebe QS 10 mil

Galera da elite 'engorda' evento valioso em Portugal

Thiago Blum

23 de setembro de 2019 | 20h25

Ryan Callinan (AUS): campeão em Ericeira no ano passado – foto: WSL

A divisão de acesso entra na penúltima curva.

E quem quer entrar na reta decisiva com chances de estar na elite do mundial em 2020, sabe que está mais do que na hora de acelerar.

Nesta terça começa na tradicional praia de Ericeira, o ‘EDP Billabong Pro’, 4ª das 6 competiçõs 5 estrelas da temporada.

Como os dois últimos eventos valendo 10 mil acontecem no Havaí e fecham o calendário, somar pontos preciosos agora evitam estresse e responsabilidade extra.

A etapa portuguesa será a de número 45 do WQS em 2019.

E a turma brasileira foi com tudo pra lá.

Ribeira D’Ilhas, Ericeira / Portugal

No round 1 serão apenas 4 representantes: Matheus Navarro, Samuel Pupo, Marco Fernandez e Bino Lopes.

Mas a partir da 2ª fase, a onda verde e amarela deve tomar conta das direitas e esquerdas de Ribeira D’Ilhas.

Dos tops que disputam o WCT, além do lesionado Adriano de Souza, só Gabriel Medina e Filipe Toledo não vão competir em Portugal.

Até Ítalo Ferreira, 5º do mundo na elite, confirmou presença.

Jadson André defende a liderança do ranking.

Com os compatriotas Miguel Pupo e Alex Ribeiro na cola.

No total, 22 brazucas entram na disputa no round 2.

Caras como Wade Carmichael, Ezekiel Lau, Kanoa Igarashi, Frederico Morais e Griffin Colapinto também estão na chave.

Campeão em 2018, o australiano Ryan Callinan preferiu não defender o título.

Vale 10 mil pontos para o campeão, minha gente!!

por @thiago_blum

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: