As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

“Soco no estômago”!!!

Em tratamento, Adriano de Souza espera competir em Pipeline

Thiago Blum

04 de dezembro de 2020 | 10h06

foto: Daniel Smorigo / WSL

A expressão define bem o sentimento do campeão mundial de 2015 .

Adriano de Souza, que está há mais de 2 meses treinando no Havaí, corre para se recuperar a tempo de disputar o PipeMasters.

O evento em Pipeline – marcado para começar na próxima terça-feira – abre o novo calendário do circuito mundial da World Surf League.

Mineirinho sofreu uma lesão no joelho esquerdo, durante uma sessão de treinos em Off The Wall, na ilha de Oahu.

Segundo ele, um backwash (balanço do mar contrário ao sentido normal das ondas) o fez perder o equilíbrio após uma manobra.

Com a queda, Adriano sofreu uma torção.

Abatido mas confiante, Mineirinho está em tratamento intensivo de fisioterapia.

Disse que a lesão é leve, de grau 1.

E que as chances de recuperação são boas.

Adriano já anunciou que a temporada 20-21 será a última dele como profissional.

Vale lembrar que em 2018, o surfista paulista sofreu uma grave lesão em Portugal, que o deixou fora das competições por vários meses.

Quando retornou – em meados de 2019 – participou da etapa do Tahiti, em Teahuppo. Terminou em 5º lugar, mas voltou a sentir a lesão e não completou o tour.

Ao lado de Ítalo Ferreira e Gabriel Medina, Adriano de Souza é um dos 3 brasileiros que já venceram o PipeMasters.

A etapa mais icônica do surfe mundial chega à 50ª edição em 2020.

Bora capitão!!!

Na torcida para que tudo dê certo!!!!

@thiago_blum

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.